Pravda.ru

Notícias » unknown


BANDEIRA DA SOLIDARIEDADE

09.12.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

A interdependência, ou dependência recíproca, estrutura-se na força da união. Este é o conceito que caracteriza um povo, uma nação e a humanidade. Exceto os povos originais, como os indígenas, todos os demais são heterogêneos. Há uma miscigenação fantástica.

Ao contrário de prejudicar, esta mistura enriquece os relacionamentos. A proximidade de culturas diversas amplia a sensibilidade e a riqueza destes povos. Definitivamente, mais que qualquer nacionalidade, somos do planeta terra, a grande nação da humanidade. As barreiras interpostas como entre judeus e palestinos não fazem o menor sentido. A luta por um espaço, por uma propriedade, por um conjunto de fatores históricos não pode ultrapassar a dimensão da humanidade. É importante cultivar o sentimento de habitante do planeta terra. É importante criar uma bandeira física, similar a de cada país, para ser desfraldada em conjunto. É importante valorizar o espírito de humanidade, de internacionalidade, de habitante do planeta terra. Toda nação congrega diferenças e nem por isso, seus povos promovem sua autodestruição.

Muito mais que nações unidas, somos o planeta terra. Nenhum povo pode viver isolado ou independente da grande comunidade humana. Este é o nível principal de gestão pública. Seu gestor deve ser escolhido por toda humanidade, de forma transparente, democrática e independente.

Não se concebe mais a promoção de desuniões sem pé nem cabeça, promovendo guerras, assassinatos em massa, corridas armamentistas desenfreadas em busca de poder total. A gestão pública da humanidade obrigatoriamente tem a missão de revolucionar a atual estrutura das nações unidas. Não pode mais ser o clube dos cinco, com direitos e regalias superiores a todos os demais. Não pode mais permitir a promoção institucional dos interesses dos donos do mundo, nem guerras, nem disputas irracionais, nem loucuras e fanfarrices estapafúrdias.

Esta Bandeira da Solidariedade está sendo exposta como uma diretriz da Nova Constituição do Planeta Terra.

Você concorda? Não? Proponha suas objeções. Sim? Passe a idéia para frente.

Orquiza, José Roberto

52 anos, consultor de marketing, autor dos livros Jogo da Vitória, Editora Juruá; Dez Lições de Sucesso, Editora Posigraf; Fato ou Boato, Você Decide, Ieditora. Formação: Filosofia e Ciências Econômicas. Especialização: Análise Empresarial. Contato: workisa@onda.com.br

 
2479
Loading. Please wait...

Fotos popular