Pravda.ru

Notícias » unknown


Carta ao BBC

04.09.2004 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Prezados Senhores, Há decênios acompanho a BBC, e nunca me espantei sobre a pertinaz tendência desta grande comunicadora em emitir juízos de valores contra a nação Russa, seja o seu governo, regime ou o assunto. Compreendo perfeitamente, pois sei que em Londres há resquícios lamentáveis da Guerra Fria, e infelizmente tal sentimento encontra respaldo na Imprensa - o que é pior, pois deveriam ter uma atitude no mínimo imparcial. Mas como disse, compreendo perfeitamente o papael tendencioso que os órgãos de imprensa devem ter para acompanharem as orientações de seus governos. Mas no caso da tomada de reféns em Beslan, na Ossétia do Norte, devo dizer que a cobertura da BBC chega a ser odiosa - para dizer o mínimo. Em todas as suas reportagens sobre o caso, sempre querem transmitir que os mais de 300 reféns foram mortos - na sua maioria crianças - foram mortas nas mãos dos soldados russos, isentando os terroristas de qualquer ato. Querem colocar ao máximo que os russos foram os culpados pela tragédia, e os terroristas não tiveram parte consciente ou relevante na consumação da tragédia. Vocês não estão reportando a verdade. Já li dezenas de relatos dos reféns, e de fato, tudo começou por uma explosão na parte de dentro da escola, o que motivou uma fuga desesperada de alguns reféns, momento em que os terroristas começaram a disparar nos reféns, o que causou a entrada das tropas russas. Ou alguém pode admitir que as forças de segurança ficassem de braços cruzados? Como disse um especialista israelense, é muito fácil criticar sentado no conforto de casa ou no escritório quando não se está lá. Vocês reiteradamente estão dizendo que foi uma ação deliberada das forças russas, mas não é verdade. Não havia esse tipo de operação em planejamento. Sei que sequer vão ler minha missiva, menos ainda levar em consideração seus termos, mas estou reunindo grande material sobre o caso (relatos dos reféns com seus nomes e idades, opiniões de especialistas israelenses e de outros países) e promoverei uma grande campanha de informação mundial pela Internet provando que os Senhores - a rede BBC - estão promovendo a desinformação e enganando as pessoas - com o único fito de querer condenar e culpar o governo russo. Estarei sozinho nesta luta, e como leitor assíduo há decênios do BBC (muito antes de muitos dos seus jornalistas começarem a trabalhar nesta Casa), me sinto na obrigação de promover essa campanha. Levarei à apreciação da Comissão de Direitos Humanos do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil. Tudo tem um limite. A linha parcial desta emissora contra a Rússia não pode prevalecer em uma tragédia sem precedentes como esta. O que os Senhores estão fazendo é sério e grave, pois não se trata de uma questão política, ou de defender o governo russo e sim do sangue de centenas de crianças inocentes. Atenciosamente, Miguel Galante Rollo

 
2962
Loading. Please wait...

Fotos popular