Pravda.ru

Notícias » unknown


PALESTINA

02.12.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O secretário-geral da ONU, Kofi Annan, acusou Israel de violar uma resolução da Assembléia Geral que exige que o Estado suspenda a construção da barreira que invade a Cisjordânia e desmantele a parte já construída.

Num relatório à assembléia divulgado onten, Annan disse que a construção da barreira - uma rede de cercas, muros, arame farpado e fossos - viola a lei internacional e "pode comprometer as perspectivas de longo prazo para a paz". "O posicionamento da maior parte da estrutura em terras palestinas ocupadas pode debilitar futuras negociações", escreveu ele.

O relatório de Annan foi previsto na resolução que exige que Israel derrube o muro. Israel está se apossando de terras antes de possíveis negociações sobre as fronteiras de um Estado palestino. A barreira corre paralelamente à fronteira da Cisjordânia com Israel, mas em muitas partes invade profundamente território palestino a fim de incorporar grandes assentamentos judaicos ao lado "israelense".

Assassinato

Além dessa invasão, o primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, estuda a possibilidade de anexar blocos de colônias na Cisjordânia "se fracassarem os esforços de paz". A informação foi publicada ontem em jornais israelenses. Zalman Shoval, conselheiro de Sharon, não confirmou o teor das reportagens, mas sugeriu que o Estado israelense manteria controle sobre algumas áreas da Cisjordânia e da Faixa de Gaza ao mesmo tempo em que abandonaria outras, se fosse necessário adotar medidas unilaterais, no caso da ausência de um plano de paz.

Se Israel for se reposicionar, "é claro que isso incluiria a criação de alguns fatos consumados sobre outras áreas que Israel continuará controlando, seja em um acordo com os palestinos ou unilateralmente", afirmou Shoval. Ainda ontem, um agente palestino de segurança foi assassinado por soldados israelenses quando teria se aproximado da cerca em torno do assentamento judaico de Nissanit, na Faixa de Gaza.

Testemunhas disseram que o agente de segurança estava atrás de um homem com problemas mentais que vagava pela área. A região palestina é "proibida" para os palestinos.

www.vermelho.org.br

 
2225
Loading. Please wait...

Fotos popular