Pravda.ru

Notícias » Mundo do Showbiz


Ranking de discos da música brasileira

25.10.2007 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

A Revista Rolling Stone na sua edição brasileira elegeu os melhores discos da música brasileira. O ranking escolheu os 100 melhores discos. Confira os dez primeiros colocados, segundo o jornal 24 horas news.

Como maior disco brasileiro de todos os tempos, foi escolhido Acabou Chorare (1972), dos Novos Baianos, composto por Moraes Moreira, Baby Consuelo (hoje Baby do Brasil), Pepeu Gomes e Paulinho Boca de Cantor.

Em seguida vem Tropicália ou Panis et Circencis (1968). O próximo disco que segue é assinado por Chico Buarque. Construção foi lançado em 1971 em plena ditadura militar.

Chega de Saudade (1959) de João Gilberto é o quarto da lista, seguido por Secos e Molhados, do grupo de Ney Matogrosso, João Ricardo, Gerson Conrá e Marcelo Frias.

Em sexto ficou A Tábua de Esmeralda de Jorge Ben (1972), com a música Os Alquimistas Estão Chegando.

Explorando a mistura dos sons, música pop com Beatles e toada, quem leva o sétimo lugar é o Clube da Esquina de Milton Nascimento & Lô Borges, lançado em 1972. Já a oitava fica para o Cartola com o disco que leva seu nome, de 1976.

Os Mutantes ganham o número nove na lista com Os Mutantes, de 1968. O mesmo álbum já levou 12º lugar em uma lista dos "50 Discos Mais Experimentais de Todos os Tempos".

Na décima posição, Transa, de Caetano Veloso, gravado em Londres em 1972, período em que esteve exilado.

Critérios
A escolha foi realizada por meio de um júri com 60 eleitores, jornalistas, estudiosos e produtores. Cada eleitor optou por 20 discos sem pensar em uma ordem de preferência.

Os critérios definidos foram a importância histórica dos discos selecionados e a influência que tiveram no trabalho de outros artistas.

O resultado foi bastante diverso, trazendo nomes como Chico Buarque, Sepultura, Racionais MC"s e Cartola.

Os Mutantes, por exemplo, ganharam em quatro posições, com Os Mutantes (1968), A Divina Comédia ou Ando Meio Desligado (1970), Mutantes (1969) e Jardim Elétrico (1971).

O nome do Caetano Veloso também entrou no ranking com quatro indicações.

Outros artistas completam a lista são Raul Seixas e Marisa Monte, ambos com dois álbuns, Jorge Ben, com quatro, e Roberto Carlos com três discos.

Entre os novos artistas, a banda Los Hermanos com o disco Bloco do Eu Sozinho (42º) e Ventura (68º).

 
2476
Loading. Please wait...

Fotos popular