Notícias » Incidentes

Prêmio de R $ 27,7 milhões continua bloqueado por disputa

26.10.2007 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

 O Tribunal de Justiça (TJ) informou que o do prêmio da Mega-Sena de R$ 27,7 milhões, disputado entre o empresário Altamir José da Igreja, 52 anos, e um dos empregados de sua marcenaria, Flávio Júnior de Biassi, 21 anos, permanecerá bloqueado pelo menos até o dia 16 de novembro.

O ganhador do prêmio bloqueado pela Justiça de Santa Catarina no dia 5 de setembro, já perdeu R$ 309.572,43 em juros. As informações são do jornal Diário Catarinens.e Biassi acusa o patrão de ter sumido com seu bilhete e, conseqüentemente, com o prêmio de mais de R$ 27 milhões.

 No dia 3 de setembro, um dos dois bilhetes premiados no Brasil (o outro foi em Rondônia) foi apresentado em uma agência da Caixa Econômica Federal de Joaçaba (SC).

Na versão de Biassi, ele e um colega de trabalho estariam retornando do serviço de carona com o chefe. Eles pararam em uma das duas casas lotéricas da cidade, que estaria lotada e sem vagas de estacionamento. Biassi, então, deu os números do jogo para o patrão, que apostaria para ele, e foi para casa com o colega.

O empresário Igreja disse ontem ao jornal Folha de S.Paulo que não dará um centavo ao rapaz.

 
| More
1204
Loading. Please wait...

Fotos popular