Pravda.ru

Notícias » Incidentes


Caixão com restos mortais do brasileiro morto no Iraque chegou ao Brasil

15.06.2007 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Caixão com restos mortais do brasileiro morto no Iraque chegou ao Brasil

Foram localizados no Iraque os restos mortais do engenheiro brasileiro João José de Vasconcellos Júnior, que trabalhava para a construtora Norberto Odebrecht no Iraque, comunicou ontem (14) o Itamaraty. O Ingenheiro desapareceu no dia 19 de janeiro de 2005 e seu paradeiro continuava indefinido desde então.

De acordo com o Ministério das Relações Exteriores, a identidade foi confirmada "em exame realizado por peritos forenses" com o apoio da Embaixada do Brasil no Kuwait. A caixão com restos mortais chegou ontem ao Brasil.

A irmã do engenheiro Isabel Vasconcelos crticou em 2006 o dezprezo de Lula pelo caso. "Logo que meu irmão foi seqüestrado, pedimos uma audiência com o presidente Lula e não fomos atendidos", disse à Folha Online . "Em todos os outros casos de seqüestros no Iraque, como o da [jornalista italiana] Giuliana Sgrena, os líderes das nações fizeram manifestações públicas e apelos aos insurgentes", afirmou .

 Vasconcellos tinha 49 anos, era casado e tinha três filhos. Ele trabalhava no Iraque na construção de uma usina elétrica pela construtora Norberto Odebrecht e desapareceu quando radicais islâmicos atacaram o veículo em que viajava perto da cidade de Baiji, a 180 quilômetros de Bagdá.

A ação conjunta foi reivindicada pelos grupos Brigadas Mujahidin e Exército de Ansar al Sunna. No dia em que o brasileiro desapareceu, os dois funcionários da Janusian que o acompanhavam, um britânico e um iraquiano, foram mortos por rebeldes.

 
1677
Loading. Please wait...

Fotos popular