Pravda.ru

Notícias » Curiosidades


Equador discute “orgasmo por lei”

05.05.2008 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Uma mulher, membro do partido do Governo de Equador propõe que uma lei do país inclui o direito das mulheres a desfrutar do sexo. Essa curiosa proposta provocou críticos ao respeito , sobre tudo, por parte do coletivo masculino da parlamento, escreve o jornal 20 minutos.

María Soledad Vela que ajuda na modificação do texto da constituição afirma as mulheres tradicionalmente ter sido vistas como objetos sexuais. Agora, segundo ela, as mulheres deveriam ter o direito de tomar decisões “ livres, responsáveis e informadas” quer dizer ter o “orgasmo por lei”, segundo BBC Mundo.

O objetivo da nova Constituição, entre outras coisas, é assegurar uma melhor distribuição da riqueza e os direitos das comunidades indígenas e os pobres. Porém, Vela considera que as mulheres não deveriam ficar excluídas desta lista.

O porta-voz da oposição Leonardo Viteri acusou a deputada de intentar decretar “o orgasmo por lei”. Outro político qualificou de ridícula esta proposta porque se trata de um assunto íntimo que não deveria ser regulamentado por lei.

 
1094
Loading. Please wait...

Fotos popular