Pravda.ru

Notícias » Cultura


VIVER EM PAZ E AMOR

28.10.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Creio que o homem seguiu o caminho do desenvolvimento material, indiferente ao espiritual, e isso nos levou aonde não queríamos chegar. Sim! Pois nos falta a PAZ, amizade e o AMOR!

Atropelamos tudo e todos, procurando sempre um objetivo, o do desenvolvimento material. No progresso da civilização, só se contou o desenvolvimento material, mas, de uma pequeníssima parte da sociedade. Logo, logo, nesse progresso, fomos (uma mínima parte da sociedade) alcançando patamares nunca imaginados, mas a infelicidade, mesmo no meio da classe privilegiada, sempre aumentava.

E o homem até hoje não parou!

Na minha poesia: “Se o homem pudesse parar!” , tento indicar o principio necessário para o homem começar a procurar o seu grave erro. Grave erro? Aparentemente essa definição do que se passa, não é aceita pela maioria absoluta dos homens. E por que? Porque o homem ainda não parou para pensar.

Somos felizes? Não e não, apesar de que, especialmente entre os ricos, as afirmações de sua infelicidade, serem autoproibidas. Para o rico, o milionário, existe a incompatibilidade entre tristezas e riqueza; infelicidade seria uma agressão ao poder do ouro.

Tive um tio milionário, e o que me chocava mais nele, era a sua infelicidade; pois ela era muito camuflada, sendo eu, creio, o único a demonstrar que sabia como ele era infeliz, a ponto de declarar um belo dia: “Tenho muita pena do senhor!” E ele não perguntou porque!

Ele sabia!

Sinto que o homem deveria ter outra chance de vida! Será que não tem? Não sei nada sobre a vida, essa que ultrapassa o comer, beber e dormir!

Mas, começo a compreender, que o nosso cérebro tem como objetivo nos ensinar o caminho.

Quando se diz que, o homem não conhece a bilionésima parte do seu “eu” é para nos advertir do caminho errado que percorremos. Creio que se o homem voltasse, e tentasse novamente caminhar em sentido contrario, ele se encontraria.

Todos sendo irmãos , todos trabalhando pelo bem comum, todos se amando!

Analisem o conjunto mundial de forças. Aonde nós já poderíamos ter chegado?

Felizes! Habitando outros planetas, semeando AMOR pelo Universo! Sim, já falaram isso: “Somos deuses!”

Mas, só nos falta aprender a usar o nosso poder, e isso, tenho a certeza absoluta, que não será pelo caminho que percorremos!

Armando COSTA ROCHA PRAVDA.Ru BRASIL

 
2539
Loading. Please wait...

Fotos popular