Pravda.ru

Notícias » Cultura


Mundo católico está contra o "Código Da Vinci"

10.05.2006 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Segundo as agências brasileiras  o deputado federal do Brasil Salvador Zimbaldi e seu advogado entraram com uma medida cautelar a 2a Vara Cível do Fórum Regional de Santo Amaro (em São Paulo) contra a produtora e distribuidora Sony Pictures alegando que tanto o livro de Dan Brown “Código da Vinci” quanto o  filme dela com mesmo nome "agridem a liberdade de crença", o que é inconstitucional. Outros fatores contrários а Constituição, segundo Zimbaldi, são "os atentados a fatos históricos que fazem parte da colonizaçгo do Brasil". Salvador Zimbaldi (PSB-SP) quer impedir que o filme "Código Da Vinci", inspirado no best-seller de Dan Brown, seja exibido no Brasil.
A história do filme se concentra na tese de que Jesus Cristo se casou com Maria Madalena, com quem teve um filho e cuja descendência continuou até a atualidade, protegida por uma ordem secreta conhecida como Priorado de Sião.
Por causa da possibilidade desse casamento, o grupo conservador católico Opus Dei estaria assassinando seus descendentes para proteger tal segredo.

 O Fórum Social Católico (CSF) da Índia convocou uma greve de fome por tempo indeterminado, a partir de sexta-feira, em protesto contra a estréia no país do filme "O Código da Vinci", além de oferecer uma recompensa em dinheiro para quem capturar o escritor Dan Brown "vivo ou morto", informou o jornal local Hindustan Times.
O CSF considera o livro do americano Dan Brown, que deu origem ao filme, uma obra "anticristã".
"Pedimos a todos que sejam cuidadosos quando lerem o livro", disse o secretário-geral do CSF, Joseph Dias, observando que "o impacto de um filme é muito maior". "Haverá uma lavagem cerebral em massa se o filme for exibido na Índia", opinou.
O Fórum promove nesta quarta-feira uma "cruzada de orações" no Convento de Cannosa, na cidade de Mumbai. Um membro do grupo, Nicholas Almeida, ofereceu quase US$ 25 mil a "quem trouxer Dan Brown morto ou vivo", diz o jornal. A distribuidora do filme, Sony Pictures, manteve a data da estréia.

 
2176
Loading. Please wait...

Fotos popular