Pravda.ru

Notícias » Cultura


Deusa: Como eu me apaixonei

03.02.2005 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O filme “Deusa: Como eu me apaixonei”, da cineasta russa Renata Litvinova, vai ser apresentado no festival de Roterdão.

Litvinova é atriz, escritora e realizadora deste filme, que se foca na questão de narcissismo, enquanto ela explora suas próprias qualidades. Já conhecida ao público russo, com seus trajes de preto e cabelo louro, Renata Litvinova tem seu próprio show de moda na TV.

Litvinova, 38, se descreve como seguidora da cineasta soviética, Kira Muratova. Seus filmes protagonizam o estatuto da mulher e são um elogio ao feminismo, concentrando-se nas múltiplas qualidades da mulher.

O filme “Deusa” tem como figura principal a Faina, uma mulher com capacidades extra-ordinárias que lidera uma investigação num crime, confiando nas suas qualidades para resolver os casos.

Actualmente, o cinema feminino na Rússia não se concentra em assuntos sociais mas sim em dramas pessoais e humanas – a solidão, senso vs. sensualidade, etc. Litvinova não tem muita paciência para seus contemporâneos masculinos no mundo de cinema, classificando-os como “o terceiro sexo”.

Olga SELYANINA PRAVDA.Ru

 
1175
Loading. Please wait...

Fotos popular