Pravda.ru

Notícias » Sociedade


Mulher mata sua amiga grávida e três crianças dela

25.09.2006 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Mulher mata sua amiga grávida e três crianças dela

Segundo a polícia do Estado  Illinois dos EUA, mais tres  vítimas do  crime ocorrido no dia 15, foram encontradas no sábado dentro de uma máquina  de lavar roupas e uma secadora. Trata-se do assassinato de uma grávida que havia tido o feto retirado do ventre.  Jimella Tunstall, de 23 anos morreu por um ferimento abdominal na barriga provavelmente provocado por uma tesoura.


Os corpos das crianças dela -de 7, 2 e 1 ano- foram encontrados em estado de decomposição no interior da lavadora e secadora do apartamento no qual viviam, segundo um dos membros da equipe de investigação.


A Polícia os encontrou na noite de sábado, poucas horas depois de Tiffany Hall, de 24 anos e amiga da família, ter sido acusada formalmente pela morte de Jimella Tunstall, e do feto de sete meses que foi tirado de seu ventre.

As crianças permaneciam desaparecidas desde a última segunda-feira, data na qual haviam sido vistas pela última vez, em companhia de Hall.

Foi a própria Hall que indicou à Polícia que os cadáveres das crianças estavam no apartamento.
"Ela não disse que os tinha matado, mas indicou que elas poderiam ser encontradas pelo cheiro", disse hoje o funcionário do condado de St. Louis Ace Hart.

Os agentes já haviam dado busca no interior da casa, procurando fotografias e possíveis pistas.
"Mas quem pensaria em olhar na lavadora e na secadora?", perguntou Hart.

Espera-se que a autópsia aos cadáveres das crianças revele as causas exatas de suas mortes. Dois deles foram achados nús, enquanto o terceiro trajava roupas de baixo.

O maior, Demond Tunstall, foi encontrado na secadora, e os outros dois, Ivan e Jinela, na lavadora.
A Polícia não revelou se a acusada pela morte de sua mãe, que cuidou das crianças em diversas ocasiões, também é suspeita do assassinato delas.

Até o momento, Tiffany Hall foi acusada de assassinato em primeiro grau pela morte de Jimella Tunstall.A autópsia revelou que Tunstall, cujo cadáver foi encontrado na quinta-feira, sangrou até morrer por um ferimento abdominal realizado com um objeto cortante, provavelmente uma tesoura.

No  dia 15 , a suspeita chamou a Polícia, alegando ter dado à luz a uma criança que havia nascido morta.

Os agentes a levaram, junto com o bebê morto, a um hospital, no qual se negou a ser examinada.
Seu namorado declarou posteriormente à Polícia que Hall havia confessado que a criança não era dela, e que tinha matado a mãe para conseguí-la, o que provocou a detenção da suspeita.


As autoridades estão agora à espera dos resultados das análises de DNA realizadas no bebê, para determinar se o feto era realmente de Tunstall.

EFE

 
2897
Loading. Please wait...

Fotos popular