Pravda.ru

Notícias » Sociedade


Poema para a Páscoa

23.03.2008 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

E X O R T A N D O

S. Kalil Botelho

Aceita o sacrifício que foi feito

Para erguer-te do pó, alma erradia!

Toma tua cruz, carrega-a com respeito;

Esmaga, em ti, a fera rebeldia.

Aceita ao Cristo que é formoso dia;

Todo glória, esplendor e amor perfeito.

Aceita seu amor que é alegria,

E ao próprio Céu, assim, terás aceito.

ELE É O CAMINHO, A VERDADE, A VIDA!

Seu coração é qual um doce ninho

De inesgotável e perenal carinho.

Faz em teu peito, pois, pequena ermida

Onde O hospedes, com amor, alegremente

E viverás, então, eternamente.

 
732
Loading. Please wait...

Fotos popular