Pravda.ru

Notícias » Sociedade


Lembrar Amado Nervo

18.06.2009 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Pages: 1234

Porém o Presidente Carranza enviou sob conselho do Justo Sierra, homens com um CV importante como embaixadores, com extrema qualidade para esses países. No decênio de 1930, por exemplo, o grande escritor Alfonso Reyes, que o Borges salienta alguns anos depois, foi Embaixador na Argentina e logo no Brasil. Pode ter certeza que aquele que inaugura esta camada de ilustríssimos embaixadores é o Nervo.

PRAVDA: Conhece o Brasil, o Portugal? Quais foram esses cantinhos prediletos que poderia sugerir alguém para que os visitasse?

EMB. LUISELLI: Conheço os dois países. Quanto a Portugal, Porto, gostei muito, Lisboa, a ponte nova, Lisboa antiga, Lisboa Moderna. Gostou de Portugal, um cantinho aconchegante, taciturno, o início da nossa Europa, grandes lembranças e carinho e tanto por ele.

Quanto tem a ver com o Brasil, conheço muito bem, acho que fiquei umas dez oportunidades lá. Até poderia chutar que conheço bem mais o Brasil que muitos brasileiros da gema. Conheço Benjamim Constante, na fronteira amazônica com a Colômbia, andei muito nessa área amazônica. Conheço Manaus, Salvador, Belém, Mato Grosso, o pantanal mato-grossense, Porto Belo, é quase óbvio que o Rio de Janeiro e São Paulo, Campinas, Brasília conheço demais. O que a gente ainda não conhece é a região sul mas daqui a pouco vou matar aquela saudade viajando para Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Posso acrescentar que América Latina com um relacionamento bem mais forte entre o Brasil e o México teria bastante para comemorar. Com os dois países de mãos dadas, todos nós poderíamos andar bem melhor. Já somos parte do Grupo dos Cinco e Oito mais Cinco da Treze. Estamos no Grupo do G-20. Acho que o G Cinco bem mais para frente vai aumentar o tamanho e vai atingir o número quinze ou vinte. Sem dúvida, Brasil e México vão participar dele.

Poderíamos salientar que os dois estamos no Clube do Trilhão de Dólares, que formam aqueles países com um PIB (Produto Interno Bruto) que ultrapassam essa marcação. México e Brasil fazem parte dessa turma. Além disso, temos problemas que assemelham-se bastante.

PRAVDA: Qual foi o destino permanente do Amado Nervo em aquele 1919 fora ter apresentado credenciais na Argentina bem no Uruguai.

EMB. LUISELLI: Ele tinha apresentado credenciais nos dois países. Compartilhava como destino os dois países tendo que viajar de um para o outro. Isso continua acontecendo agora, esta função dos diplomatas, chama-se Embaixador com incumbência. México agora não credencia dentro deste esquema na América Latina pois possui embaixadores em cada um dos países da região por iniciativa própria. Mas na África, na Ásia, em alguns países da Europa Central o México tem Embaixadas com incumbência. Por exemplo, o Embaixador em Irã, tem potestade em Azerbaijão e tem que viajar e ficar. O Embaixador Mexicano em Paquistão também fica com a responsabilidade de Kyrgyzstão, Payikistão e Uzbekistão e desse jeito assim o México abrange o mundo inteiro mas a residência está em um lugar só.

Eu estive como Embaixador com incumbência em muitos países da África. Estive residente na África do Sul com incumbência em Zimbawe, Lesoto, Moçambique, Suazilândia e Bostwana. Nesse período fiquei em todos os países dando atendimento especial a Zimbawe pois trata-se de um país mais difícil onde aconteciam fatos; Lesoto, acabei indo menos, só pela morte do Rei. Então fui pela morte do Rei e a posse do novo monarca. Foram cerimônias só. Coisa semelhante ocorreu em Bostwana. Por enquanto, em Moçambique e Zimbawe trabalhei muito.

PRAVDA: O Senhor foi Embaixador na África do Sul. Eles têm condições de organizar a Taça do Mundo de futebol 2010?

EMB. LUISELLI: Com certeza absoluta. Eles vão conseguir atingir todos os seus objetivos. Fico muito feliz que a Taça do Mundo aconteça lá. O continente africano merece um evento desse tamanho. África do Sul vai surpreender todo mundo pela organização, acolhida, eficiência e conchego. Eu não estava lá na hora que a sede do Mundial foi escolhida pela FIFA. Morei na Pretória e nos verões um período muito bom em Cidade do Cabo pois aí tinha sede o Congresso.

PRAVDA: Qual ia ser sua sugestão para uma pessoa que for viajar para a Taça do Mundo? Aqueles lugarzinhos inesquecíveis?

EMB. LUISELLI: O Parque Kruger, o Circuito dos Vinhos e das Flores, chama-se Circuito do Jardim, na província do Cabo. Não da para se perder o Parque Kruger que está no Norte. O Mpumalanga, que é o maior parque natural de animais africanos do mundo inteiro.

PRAVDA: Cómo é o relacionamento com a Embaixadora de Portugal, Ana Luísa Bastos de Almeida, o Embaixador do Brasil José Eduardo N. Felício, o Embaixador da Federação Russa, Serguey N. Koshkin?

EMB. LUISELLI: Impossível imaginar um relacionamento melhor do atual. Somos amigos e nossa amizade vai além da diplomacia. Mantemos contatos telefônicos, conversamos, damos e recebemos conselhos e pode incluir nesta lista ao Embaixador Arslanian, Embaixador do Brasil perante MERCOSUL e ALADI. Ás vezes não concordamos mas nada tem a ver com a nossa amizade.

PRAVDA: Está querendo acrescentar mais algum comentário que tivesse esquecido perguntar para o Senhor?

EMB. LUISELLI: Nada específico. Saiba que fiquei feliz pelo interesse de um meio de imprensa russo na versão portuguesa nesta reportagem que tem como alvo um mexicano que fala castelhano. Isso fala mais alto, trata-se da globalização. Acho que a Rússia é um elemento importante no horizonte deste mundo novo, com grandíssimas contribuições na área da cultura, aparece na minha cabeça o Pushkin, o Tolstoi, em Dovtoieski, nos músicos, destaques da música mundial mesmo, a sua contribuição na área da ciência, todos devemos á Rússia aportes incríveis para o enriquecimento da humanidade. Sabemos como o povo russo sofreu no decorrer do século XX e temos vontade que este século XXI seja maravilhoso para os russos.

 
Pages: 1234
17405

Fotos popular