Pravda.ru

Notícias » Sociedade


Milhares manifestaram-se na capital da Hungria contra «lei da escravatura»

09.12.2018 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Milhares manifestaram-se na capital da Hungria contra «lei da escravatura». 30038.jpeg

Milhares manifestaram-se na capital da Hungria contra «lei da escravatura»

Milhares de húngaros manifestaram-se este sábado contra uma alteração do Código do Trabalho proposta pelo partido do primeiro-ministro, Viktor Orbán, que os críticos apelidam de «lei da escravatura».

Apresentado pelos deputados do partido de extrema-direita de Viktor Orbán, Fidesz, o projecto de lei prevê um aumento do número de horas extra que os empregadores podem exigir anualmente. Se for aprovado, o limite de horas extra passará de 250 para 400.

«São os salários que devem ser aumentados, não as horas suplementares», disse Gyorgy Kalman, 47 anos e empregado na indústria automóvel, proveniente da cidade de Gyor para participar na manifestação, citado pela agência France Presse.

A Confederação Nacional dos Sindicatos Húngaros (MASZSZ), que organizou a manifestação, exige a retirada do projecto de lei.

Num comunicado divulgado antes do protesto, o seu responsável Laszlo Kordas considerou que a lei «ataca uma parte importante da sociedade».

«Os empregados serão obrigados a trabalhar mais 50 dias por ano» se a proposta for aprovada, adiantou.

O Governo defendeu a reforma, considerando que permite a quem quer trabalhar e ganhar mais fazê-lo sem barreiras burocráticas.

Segundo uma sondagem recente do instituto Policy Agenda, 83% dos húngaros estão contra o projecto de lei, que deve ser votado no Parlamento na terça-feira.

https://www.abrilabril.pt/internacional/milhares-manifestaram-se-na-capital-da-hungria-contra-lei-da-escravatura

By Andrés Nieto Porras from Palma de Mallorca, España - 61/365²: Opulencia. Unidentified locations in Hungary. (Fake coords! This pic taken about two km away!), CC BY-SA 2.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=24332305

 

 
2273

Fotos popular