Pravda.ru

Notícias » Ciência


Índios isolados podem ser dizimados por projeto de exploração de gás

26.11.2013 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Índios isolados podem ser dizimados por projeto de exploração de gás. 19281.jpeg

Índios isolados podem ser dizimados por projeto de exploração de gás

Comunidades indígenas peruanas que se encontram isoladas na Reserva Nahua-Nanti para índios não contactados, na região amazônica, podem ter suas terras invadidas e suas comunidades dizimadas em pouco tempo.

Adital
Foto:Survival


Comunidades indígenas peruanas que se encontram isoladas na Reserva Nahua-Nanti para índios não contactados, na região amazônica, podem ter suas terras invadidas e suas comunidades dizimadas em pouco tempo. Tal fato deve-se aos planos do governo peruano de expandir o projeto de exploração de gás natural de Camisea, maior plano energético e o mais conhecido do país, gerido por um consórcio de empresas de gás lideradas pela argentina Pluspetrol. Do grupo também fazem parte a estadunidense Hunt Oil e a espanhola Repsol.


Segundo a organização Survival Internacional, está comprovado que a ideia de construção dos empreendimentos do projeto envolverá a detonação de milhares de explosivos em uma zona famosa por sua biodiversidade e uma das mais importantes do mundo. Além disso, a aproximação dos indígenas, que nunca tiveram contato com o resto do mundo, com os trabalhadores de gás pode causar a morte da comunidade inteira, já que as tribos possuem pouca ou nenhuma imunidade contra as doenças do "homem branco".


A denúncia dessa situação foi feita pela Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), principal observador do assunto na América, que em comunicado pediu respeito ao não contato para assegurar a vigência dos direitos fundamentais das tribos, como o direito à saúde, integridade e aos seus territórios ancestrais. Outra organização que vem defendendo a população indígena do peruana é a Survival, que após enviar várias cartas retratando todo o caso à ONU, pressionou para que as Nações Unidas solicitassem a suspensão imediata de Camisea em março deste ano.


Em abril deste ano, ocorreram protestos internacionais com o pedido para que o Peru colocasse fim à expansão do empreendimento. O diretor da Survivor Internacional, Sthephen Cory, declarou: "O 0Peru está arriscando a vida de pessoas indígenas em favor da obtenção de benefícios estrangeiros, a usurpação de gás ilegal deve acabar já".


http://www.patrialatina.com.br/editorias.php?idprog=e4017fc196bfb479f173f387595d79e5&cod=12820

 
2961
Loading. Please wait...

Fotos popular