Pravda.ru

Notícias » Ciência


Evandro Vieira Ouriques: Prêmio Best Scholar 2010

25.05.2010 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Evandro Vieira Ouriques recebe o Prêmio Best Scholar 2010 do Reputation Institute

E faz a palestra de encerramento da 14a. Conferência Internacional do Reputation Institute-The Sustainability Imperative: A Strategic Role for Reputation Management.

O Prof. Dr. Evandro Vieira Ouriques, criador da metodologia GMS-Gestão da Mente Sustentável: o Quarto Bottom Line, foi escolhido pelo Reputation Institute, de New York, com a presença em 32 países, o “Best Scholar 2010″, prêmio que receberá nesta sexta, dia 21 de maio, às 12h30, no Hotel Sofitel Rio de Janeiro, quando fará a palestra de encerramento da 14a. Conferência Internacional do Reputation Institute, este ano dedicada ao tema The Sustainability Imperative: A Strategic Role for Reputation Management .

O Prof. Ouriques recebe o “Best Scholar Award” como reconhecimento por seus estudos de ponta no campo da gestão da mente e ação nos territórios, e que resultaram por exemplo na criação da metodologia GMS, que supera o ponto cego do modelo Triple Bottom Line-TBL, utilizado em todo o mundo desde 1994. “A segurança ambiental, a equidade econômica e a justiça social, que quer o TBL, só são possíveis quando há mudança, de fato, do mindset individual e organizacional, mudança realizada pela gestão da mente, pois esta, sim, é a condição para que haja mais Sustentabilidade e, assim, mais Democracia”, afirma o professor Ouriques.

“Este prêmio é de cada pessoa na medida em que ela passa a reconhecer a necessidade imperativa da gestão da mente. Neste sentido, ele é um sinal de que muitas pessoas, esgotadas das tentativas de adiar o inevitável, percebem que é apenas pela ocupação de seu próprio território mental que se muda o mindset e se evita a repetição do modelo “desenvolvimentista-patriarcal”. A insustentabilidade vigora nos estados mentais que se tem a respeito do que é ser “feliz”, do que a vida seria, do que é viver uma “vida boa”.

Por isto trato com uma metodologia prática da tarefa mais difícil: a de mudar a mentalidade, que à direita e à esquerda está entranhada pelos valores insustentáveis. Basicamente, trata-se de fortalecer a atenção e a responsabilidade sobre o que se pensa, sobre o que nos afeta e o que afetamos e sobre o que percebemos”, conclui o Prof. Evandro Ouriques, coordenador do NETCCON (Núcleo de Estudos Transdisciplinares de Comunicação e Consciência) da Escola de Comunicação (ECO) da UFRJ.

O “Reputation Institute Best Scholar Award” é anualmente entregue, juntamente com o “Reputation Institute 2010 Global Pulse Award”. Este será recebido pela empresa número um em reputação no mundo, pelo Chairmain do Reputation Institute, Prof. Dr. Charles Fombrun, durante a conferência internacional do instituto: em 2009 o “Best Scholar Award” foi entregue a Geert Hofstede; em 2008, a S. Prakash Sethi; em 2007, a C.K. Prahalad; e, em 2006, a Wally Olins ( conheça aqui a lista ).

Dirigido no Brasil pela Profa. Dra. Ana Luísa Almeida, da PUC-Minas, o Reputation Institute identifica as melhores práticas entre pesquisas de ponta realizadas em todo o mundo e as compartilha em uma ampla rede mundial. Os premiados são escolhidos pela network de membros, associados e staff do Reputation Institute e então selecionados por um Review Committee composto por scholars e profissionais de diversas disciplinas que examinam e elegem o vencedor. É assim que o Reputation Institute reconhece indivíduos que contribuem de forma profunda para o campo da reputação através de seu trabalho. Em 2010 o critério foi a contribuição para a relação Sustentabilidade-Reputação.

Fazem parte da Plataforma de Empresas do Reputation Institute no Brasil: Petrobras, Arcelor Mittal, CEMIG, Gerdau, Holcim, Itaú, Philips, Samarco, Telefonica, Toyota, Unimed, Vale e Votorantim. No mundo são 80 corporações e outras organizações associadas. O Reputation Institute elabora anualmente o ranking das empresas de melhor reputação em 32 países, o chamado citado Global Pulse.

O foco do Dr. Evandro Vieira Ouriques, pesquisador da UFRJ e consultor, é a Gestão da Mente, para que a Ação nos Territórios seja de fato Inovação e para que a Comunicação e Educação fortaleçam a Sustentabilidade e a Democracia. Ele é conhecido pela capacidade de sua liderança, pensamento e prática mudarem efetivamente a cultura individual e organizacional. Dr. Ouriques é um pioneiro no avanço da Teoria da Comunicação e da Cultura, aliadas à Filosofia Política e à Filosofia da Linguagem, diante dos imperativos da Sustentabilidade: seu primeiro livro, Ecologia Total, data de 1975. Ele dedica-se à economia psico-política da Comunicação, que constitui em rede, dentro da qual está sua Teoria Sustentável da Comunicação e as metodologias operacionais GMS-Gestão da Mente Sustentável-o Quarto (e último) Bottom Line, Mente Livre e DVE-Diagnóstico Visual Estratégico.

Transdisciplinar desde 1984, é Coordenador do NETCCON, o Núcleo de Estudos Transdisciplinares de Comunicação e Consciência da Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (ECO-UFRJ), Pesquisador Associado do Programa Avançado de Cultura Contemporânea da UFRJ, ex-Diretor de Comunicação e Cultura do Núcleo de Estudos do Futuro da PUC-SP (2008-2010), e membro da INTERCOM-BR, FNPJ-BR, Fórum de Mídia Livre-BR, ALAIC, ComPares-Associação Internacional de Estudos Ibero-Eslavos e Instituto Cultural Brasil-Galiza, além de fazer parte de conselhos editoriais. Seus temas principais são:

Território Mental e Ação; Política e Discurso; Envolvimento e alternativas ao desenvolvimento; Diálogo Multicultural; Não-dualismo; Interesse, Poder e Dádiva; Cultura Digital, Redes e Direito à Comunicação; Liberdade e Vinculação Social; Estados Mentais Não-violentos; Sistemas Ancestrais de Comunicação, Mitologia Criativa; e Imagem e Consciência.

Com a UNESCO, o Coletivo Intervozes e o LaPCom-Unb, elabora desde 2009 Indicadores do Direito à Comunicação e do Desenvolvimento da Mídia no Brasil. Em sua intensa bibliografia, podem ser destacados:Diálogo entre as Civilizações: a experiência brasileira (ONU e UNESCO, 2003); Território Mental: o Nó Górdio da Democracia (IBASE, 2009);Gestão da Mente Sustentável: o desenvolvimento socioambiental como questão da comunicação e da consciência (Campus, 2006).

Principais Publicações

2010
Sustentabilidade, Democracia e Sinceridade: ideias gêmeas, no útero da Mente Sustentável
Revista Fórum de Direito Urbano e Ambiental-FDUA, São Paulo, ano 9, no 49. Janeiro-Fevereiro de 2010. ISSN 1676- 6962

O Conceito Envolvimento e o Caráter Político das Práticas Linguísticas
in Práticas socioculturais e discurso: debates transdisciplinares. Núcleo de Estudos de Linguagem e Sociedade da UnB e Labcom-Laboratório de Comunicação On Line, Universidade de Beira Interior, Covilhã, Portugal. ISBN: 978-989-654-034-0

O Silêncio Ativo da Escuta como Possibilidade de Resistência e Inovação através do Diálogo
in Silêncio. Anuário 2010 da Associação Internacional de Estudos Ibero-Eslavos, Lisboa, Portugal.
No prelo.

2009

Território Mental: o Nó Górdio da Democracia
Revista Democracia Viva, nº 42, maio de 2009. IBASE, Rio de Janeiro. pp 76-81. ISNN 1415-1499

Política, Espiritualidade e Dádiva: A urgência de refazer o pensamento e a ação social
Revista Comunicações ISER, no 63. Edição Especial. MIR: Memórias, Ações e Perspectivas do Movimento Inter-Religioso do Rio de Janeiro.
Instituto de Estudos da Religião-ISER. Rio de Janeiro. pp 144-160. ISNN 0102-3055.

Comunicação, Palavra e Políticas Públicas: a Importância do Conceito Envolvimento para a Construção da Cidadania Sustentável
Revista Z Cultural. Programa Avançado de Cultura Contemporânea-PACC.FCC.UFRJ. Ano 5 no 02. Rio de Janeiro. ISNN 1980-9921

2008

Gestão da Mente Sustentável®, o Extended Bottom Line: o Desenvolvimento Socioambiental como Questão da Consciência e da Comunicação
In GUEVARA, Arnoldo José de Hoyos, et al. (orgs.). Consciência e desenvolvimento sustentável nas organizações. Rio de Janeiro: Editora Campus Elsevier, São Paulo. pp. 195-203. ISBN-10: 85-352-3281-8

Comunicação com o cidadão: qual o rumo a seguir?: O rumo é a mudança de atitude mental
In Banco do Brasil. O futuro da Comunicação. XII Seminário de Comunicação. Brasília, 2008. pp. 85-93.

2007

Desobediência Civil Mental e Mídia: a ação política quando o mundo é construção mental
Anais do 10o Encontro Nacional de Professores de Jornalismo. Goiânia, Goiás. ISSN: 1981-5859.

2006

O Valor Estratégico da Não-violência para o Vigor da Comunicação
Anais do Congresso da INTERCOM, 2006.

Comunicação, Espiritualidade e Negócios: o restabelecimento estratégico da confiança como a base sistêmica do desenvolvimento socioambiental
Anais do III Congresso de Excelência em Sistemas de Gestão. LATEC/UFF. 2006.

Comunicação, Educação e Cidadania: quando Diversidade e Vinculação Social são apenas Um
In: Saúde e Educação para a Cidadania. Revista da Decania do Centro de Ciências da Saúde/UFRJ. Ano 1, no. 02, Março de 2006. UFRJ. Rio de Janeiro. pp. 33-36

2003

Diálogo entre as Civilizações: a Experiência Brasileira
Centro de Informações da ONU no Rio de Janeiro-UNIC-Rio e UNESCO, 2003.

1975

Ecologia Total: Um Kit de Supervivência Planetário
OURIQUES, E. V. e WERNER, S.
Pasta em Fan, Lápis Cera e Xerox. Rio de Janeiro: Edição dos Autores.

 
10124
Loading. Please wait...

Fotos popular