Pravda.ru

Notícias » Ciência


Vacinação aumenta casos de conjuntivite

19.07.2010 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Abandono do hábito de lavar as mãos após a vacinação contra gripe suína é apontado como a principal causa do aumento.

A vacinação contra a gripe suína está aumentando os casos de conjuntivite neste inverno. Segundo o oftalmologista do Instituto Penido Burnier, Leôncio Queiroz Neto, a doença cresceu 15% nos últimos dois meses, em comparação ao mesmo período de 2009. Seis em cada 10 pacientes atendidos pelo médico relataram que já estavam vacinados contra a gripe suína e não precisavam manter a “neura” de higienizar as mãos com tanta freqüência. “É um engano porque a imunização contra a doença não evita a contaminação dos olhos”, afirma.

Isso porque, a gripe suína resulta de um rearranjo de quatro cepas do vírus influenza, enquanto a conjuntivite pode ser transmitida tanto por adenovírus como por baterias. No inverno a contaminação por vírus é mais comum porque o frio cria um ambiente perfeito para a proliferação de diversos tipos de vírus, explica.

Para piorar, o especialista diz que nesta época do ano os olhos ficam mais vulneráveis porque o tempo seco provoca o ressecamento da lágrima que tem a função de proteção contra agentes externos. Os grupos de maior risco são:

· Crianças que estão com o campo imunológico em desenvolvimento.

· Mulheres na pós-menopausa e idosos que produzem menos lágrima.

· Profissionais que compartilham computadores e outros equipamentos.

· Alérgicos que podem ter maior ressecamento da lágrima provocado por anti-histamínicos.

Tanto a conjuntivite viral como a bacteriana são contagiosas e por isso representam uma importante causa de afastamento do trabalho ou aulas. Os sintomas são: olhos vermelhos, lacrimejamento, ardência, pálpebras inchadas e aversão à luz. Queiroz Neto alerta que o tratamento com colírios – antibiótico para a bacteriana, e antiinflamatório para a viral – são eficientes, mas não eliminam os danos que podem ser causados pela doença.

“Contaminações recorrentes podem provocar cicatrizes que reduzem a acuidade visual ou escoriações na pálpebra que fazem os cílios apontarem para dentro, machucando a córnea”, adverte. A recomendação é consultar um oftalmologista a qualquer desconforto.

As principais dicas para proteger os olhos no inverno são:

· Lavar as mãoscom frequência

· Evitar tocar os olhos.

· Não compartilhar objetos, maquiagem, colírio e toalhas.

· Evitar aglomerações.

· Beber bastante água para melhorar a hidratação ocular.

· Interromper o uso de lentes de contato em casos de desconforto.

· Evitar o uso de ar condicionado.

O médico diz que lavar as mãos com água e sabão é mais eficaz do que usar álcool na higienização. “Se o produto não tiver a concentração de 70% de solução alcoólica, não mata os vírus. A única certeza é que eliminam bactérias. Por isso, é tão comum uma verdadeira “epidemia” de conjuntivite nas empresas que compartilham computadores”, completa.

Eutrópia Turazzi – LDC Comunicação

 
3135
Loading. Please wait...

Fotos popular