Pravda.ru

Notícias » Ciência


A Primavera Europeia como antídoto à falsa dicotomia

15.03.2019 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
A Primavera Europeia como antídoto à falsa dicotomia. 30619.jpeg

A Primavera Europeia como antídoto à falsa dicotomia


  

Varoufakis reúne movimentos progressistas para eleição em maio para o Parlamento.

A União Europeia está se fragmentando em um momento em que os europeus mais precisam dela, aponta o economista grego Yanis Varoufakis, um dos fundadores do Movimento Democracia na Europa 2025 (DiEM25). Mas a solução não é confiar a renovação aos burocratas e aumentar o déficit democrático, que só fortalecerá a extrema-direita. É preciso renovação.

Desde que foi criado em 2016, o DiEM25 lançou o programa New Deal para a Europa. Depois, com outros movimentos e partidos, estabeleceu a Primavera Europeia, coalizão progressista que busca uma agenda política comum em toda a Europa e que disputará as eleições para o parlamento Europeu em maio.

"Diferentemente da maioria dos manifestos eleitorais, escritos em bastidores por conselheiros especiais, nosso New Deal foi feito em coautoria por meio de consulta aberta com cidadãos e ratificado por um voto democrático transnacional no qual todos os europeus puderam participar. Ele contém medidas ambiciosas que poderiam ser implementadas amanhã de manhã, como um New Deal Verde, que movimentaria € 500 bilhões por ano na transição ecológica da Europa, e um programa de solidariedade que redirecionaria os lucros do banco central para um fundo de combate à pobreza", escreve o ex-ministro das Finanças da Grécia em artigos publicados na imprensa europeia.

As eleições de maio são apresentadas como "uma disputa entre dois campos: liberais eurófilos versus eurocéticos não liberais: Emmanuel Macron versus Matteo Salvini. Ou os 'falsos profetas' versus os 'patriotas europeus'. Infelizmente, esta é uma conta enganosa", sentencia Varoufakis. "Figuras do establishment como Macron perderam sua credibilidade mesmo com os cidadãos centristas. Para reunir os eleitores, eles confiam na ameaça que nacionalistas como Salvini representam. Igualmente, homens fortes como o vice-primeiro ministro italiano precisam desesperadamente de um establishment europeu para se formarem como rebeldes dignos.

"A única maneira de romper essa repugnante quebra de laços com a Europa é um New Deal confiável para os europeus - um antídoto para a crença deprimente de que a única alternativa a essa UE é sua separação. Em outras palavras, nossa posição não recai sobre nenhum dos lados da dicotomia entre as chamadas forças pró-europeias e antieuropeias. Somos pela nossa Europa, contra essa Europa", finaliza.

 

Notícias da morte do SMS foram exageradas

Muitos acreditaram que o serviço de SMS estava com os dias contados por conta do uso cada vez maior do WhatsApp. Porém, de acordo com levantamento da Wavy, empresa do Grupo Movile, são trafegados cerca de 2,5 bilhões de torpedos mensalmente no Brasil.

Um dos motivos é que o SMS não possui limitações com relação ao alcance, já que não demanda redes 3G/4G ou Wi-Fi. Mais importante, sua taxa de leitura beira os 100%, o que torna o serviço bastante atraente para as empresas.

 

Insegurança

O assessor de Segurança Nacional dos Estados Unidos, John Bolton, visitou em novembro o então presidente eleito Jair Bolsonaro no condomínio da Barra onde, três casas adiante, morava o acusado de matar Marielle e de possuir centena de fuzis. A CIA comeu mosca.

https://en.wikipedia.org/wiki/Spring_(season)#/media/File:Colorful_spring_garden.jpg

 

 
4277
Loading. Please wait...

Fotos popular