Pravda.ru

Notícias » Ciência


Teatro e cinema de animação em Maio no TCSB‏

04.05.2015 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Teatro e cinema de animação em Maio no TCSB‏. 22108.jpeg

O espectáculo "Cubo", do CITAC, abre a programação de Maio do Teatro da Cerca de São Bernardo, em Coimbra. O Festival de Cinema de Animação "Monstra", o regresso da ACTA e novas propostas para a infância marcam também o mês, que termina com uma nova temporada da mais recente criação d'A Escola da Noite: "Da sensação de elasticidade quando se marcha sobre cadáveres", de Matéi Visniec.

Desde que A Escola da Noite assumiu a programação do TCSB, o teatro universitário da cidade tem tido aí um dos palcos privilegiados para a apresentação do seu trabalho. Depois do TEUC e do GEFAC, que já estrearam espectáculos e fizeram temporadas nesta sala, é agora a vez do CITAC - Círculo de Iniciação Teatral da Academia de Coimbra. Entre 1 e 3 de Maio (sexta a domingo), o grupo apresenta "Cubo", uma criação colectiva com direcção artística da actriz e encenadora Paula Diogo, co-fundadora do Teatro Praga.
Com a habitual linguagem experimental que caracteriza o CITAC, "Cubo" propõe uma reflexão sobre as grandes questões da humanidade. "Neste Mundo caótico em que vivemos pareceu-nos fazer sentido reflectir sobre o início de tudo isto. Onde é que começou? Onde é que começámos? Como começámos? E se começássemos de novo seria diferente? Ou inevitavelmente igual?", escreve Paula Diogo numa nota sobre o processo de criação artística que dirigiu.

Cinema de animação: "Monstra à Solta"
Entre 5 e 9 de Maio, o ecrã do Teatro volta a descer, desta vez para acolher a itinerância nacional do Monstra - Festival de Animação de Lisboa. Ao longo de três dias e seis sessões, o público de Coimbra terá a rara oportunidade de conhecer alguns dos melhores filmes de animação do mundo inteiro. O programa inclui perto de 50 filmes, distribuídos por duas sessões competitivas, duas longas metragens (terça e quarta-feira) e ainda duas sessões especialmente dirigidas às crianças e às famílias (sábado, 9 de Maio).

O acolhimento em Coimbra deste festival resulta de uma parceria entre A Escola da Noite e a organização do Monstra (que decorreu em Lisboa entre 12 e 22 de Março). Entre os filmes seleccionados para esta mostra está o vencedor do Prémio Melhor Longa Metragem - Grande Prémio RTP - "O Conto da Princesa Kaguya", de Isao Takahata (Japão, 2013) - e a curta-metragem "Os Prisioneiros", de Margarida Oliveira (Portugal, 2014), distinguida com uma menção honrosa entre a programação portuguesa.
Os bilhetes já podem ser reservados ou comprados no TCSB e custam entre 1 e 4 Euros (crianças e público em geral, respectivamente).

Sábados para a infância
As manhãs de sábado continuam a ser dedicadas aos mais novos no Teatro da Cerca de São Bernardo. Em Maio, há cinco propostas, em cinco áreas artísticas diferentes - música, cinema, teatro, dança e literatura. Para além das sessões do "Monstra à Solta" (9 de Maio), A Escola da Noite oferece às crianças da cidade a possibilidade de assistirem a "Costurar cantigas e histórias da nossa memória", pelo Taleguinho (2 de Maio); de participarem na oficina "um Ser brincante", dirigida pela actriz brasileira Paula Nicolau Oliveira (16 de Maio); de experimentarem dança criativa, numa oficina dirigida pela bailarina e coreógrafa Leonor Barata (23 de Maio); e, claro, de se maravilharem com as histórias escolhidas e lidas por Cláudia Sousa, na habitual sessão mensal de "Flores de Livro" (30 de Maio).

O regresso de "Da sensação de elasticidade..."
A segunda metade do mês traz mais teatro ao TCSB. Logo no dia 14, a ACTA - A Companhia de Teatro do Algarve regressa a Coimbra com uma das suas mais recentes produções: "Nossa Senhora da Açoteia", um texto escrito pelo dramatugo português Luis Campião, interpretado a solo pelo actor e encenador bem conhecido do público Luis Vicente.

No dia 28 de Maio, A Escola da Noite inicia uma nova temporada de "Da sensação de elasticidade quando se marcha sobre cadáveres", de Matéi Visniec. Cinco meses depois da estreia e da temporada original, a companhia de Coimbra volta à história de Sergiu Penegaru, o escritor romeno que se recusa a escrever poemas patrióticos e que encontra na arte e no teatro do absurdo uma libertação para o regime opressivo a que está sujeito. A reposição do espectáculo estende-se pelo mês de Junho e contará com a presença do autor em Coimbra, em data a anunciar brevemente.

Outra programação
Ainda em Maio, o TCSB acolhe outras iniciativas, organizadas por diferentes instituições da cidade. Logo no dia 2, à tarde, a UMAR Coimbra organiza a tertúlia "Histórias de mulheres de Abril", com Fátima Carvalho, Maria Isabel Raposo, Orlanda Silva e Manuela Cruzeiro. A conversa tem lugar no Bar do Teatro, pelas 16h00.

Uma semana depois, no dia 9 de Maio (21h30), a SOS Racismo assinala os 70 anos da libertação da Europa do Nazismo, com a exibição do filme "O Espírito de 45", do realizador britânico Ken Loach. A sessão tem entrada gratuita e inclui um debate no final. A 16 de Maio, é a vez da Não Te Prives - Associação de Direitos Sexuais promover a apresentação pública do livro "Lábio/Abril", de Daniel Lourenço. A sessão é às 17h00 e contará com a presença do autor, a apresentação de Paulo Jorge Vieira e leituras performativas.

Como habitualmente, os detalhes sobre toda a programação do Teatro estão disponíveis no blogue da companhia (weblog.aescoladanoite.pt) e os bilhetes podem ser reservados por telefone (239 718 238 / 966 302 488) ou por e-mail (geral@aescoladanoite.pt)

 

 
7351
Loading. Please wait...

Fotos popular