Pravda.ru

Notícias » Ciência


MPT desmente afirmações proferidas pelo Presidente da Concelhia PPD /PSD Oeiras

03.09.2013 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
MPT desmente afirmações proferidas pelo Presidente da Concelhia PPD /PSD Oeiras. 18826.jpeg

Na sequência das afirmações proferidas pelo Presidente da Concelhia do PPD/PSD de Oeiras à LUSA, em resposta às declarações dadas pelo Coordenador Autárquico Nacional do MPT, o Partido da Terra reafirma que não procura lugares nem empregos, razão pela qual não hesitou em denunciar o acordo após incumprimento por parte do PPD/PSD de Oeiras.


Se o objectivo do MPT fosse ocupar lugares de chefia ou angariar empregos bastar-nos-ia, simplesmente, manter o acordo! O que o Partido da Terra exige é o cumprimento da palavra dada, do
compromisso assumido, atitudes e comportamentos que a Concelhia do PPD/PSD de Oeiras parece desconhecer.


No que respeita à participação do Partido da Terra nas listas do PPD/PSD em Oeiras, em lugares de representação política - sendo esta a verdadeira forma do MPT garantir a aplicação da sua política ambiental e de intervenção social - cumpre referir que esta possibilidade nos foi totalmente negada uma vez que os lugares atribuídos nas listas, contrariamente ao estipulado no acordo, foram um 14º lugar na Assembleia Municipal de Oeiras, e dois 20ºs lugares nas Assembleias de Freguesia de Algés e de Oeiras, lugares esses em posições claramente não elegíveis.


Para que não restem dúvidas sobre os compromissos assumidos pelo MPT e pela Concelhia do PPD/PSD de Oeiras, transcreve-se extracto da cláusula sexta do acordo autárquico celebrado entre o MPT e o PPD/PSD de Oeiras a 16 de Maio passado:


"6.º
1 - O Partido da Terra - MPT indicará um candidato efectivo e elegível na
7ª (sétima) posição da lista a apresentar pelo PPD/PSD à Assembleia
Municipal, candidato esse que integrará a lista do PPD/PSD na qualidade de
independente.


2 - O Partido da Terra - MPT indicará dois candidatos efectivos (e
respectivos candidatos suplentes) a Juntas de Freguesia a serem acordadas
entre o PPD/PSD e o MPT, candidatos esses que ocuparão os lugares de
Secretários e/ou Tesoureiros.


3 - O Partido da Terra - MPT tem na sua génese uma forte matriz ideológica
de base ecológica e social, sendo estas áreas de intervenção política, por
maioria de razão, as suas grandes bandeiras. No caso de vitória do
Movimento "Uma Nova Ambição" liderado pelo PPD/PSD à Câmara Municipal, o
Partido da Terra - MPT será chamado a participar nas políticas de
intervenção social, cultura e ambiente do Município. Nessa eventualidade,
o Partido da Terra - MPT, através de representantes seus, aceitará o
convite para assumir responsabilidades na futura gestão municipal que
permitam garantir a implementação do programa eleitoral, em particular nas
áreas da Ação Social, Desporto, Juventude, Bibliotecas, Documentação e
Informação"

Do exposto resulta evidente que as afirmações do Presidente da Concelhia do PPD/PSD de Oeiras são totalmente incompreensíveis uma vez que os "lugares" a que aquele se refere se encontram devidamente garantidos no acordo autárquico em causa.


Por último, e não obstante no acordo em causa nada obrigar a que os candidatos do MPT sejam residentes no Concelho, até porque seria um contrassenso no que respeita ao próprio candidato Francisco Moita Flores que ali não reside, o candidato do MPT colocado na Lista de Algés em 20º lugar é residente naquela freguesia, assim como toda a sua família!

 

 
4169
Loading. Please wait...

Fotos popular