Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


Moscou convoca adidos militares ocidentais plus sauditas

29.10.2015 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Moscou convoca adidos militares ocidentais plus sauditas. 23164.jpeg

Moscou convoca adidos militares ocidentais plus sauditas: quer explicações sobre acusações 'midiáticas' de ataques a civis 

O Ministério da Defesa da Rússia convocou OTAN e Arábia Saudita, para que expliquem acusações de que aviões russos teriam atirado contra hospitais na Síria - disse hoje o vice-ministro da Defesa da Rússia, Anatoly Antonov.

"Interpelamos oficialmente hoje os adidos militares de EUA, Reino Unido, França, Alemanha, Itália, Arábia Saudita, Turquia e OTAN para que apresentem explicação formal sobre aquelas acusações, ou as desmintam. A interpelação visa especialmente a alegações ofensivas distribuídas pela mídia-empresa em idioma inglês, sobre supostos ataques russos a hospitais" - disse Antonov.


Segundo o vice-ministro, ataques 'midiáticos' de informação falsa contra as ações das Forças Aeroespaciais Russas na Síria aumentaram em vários veículos da mídia-empresa ocidental.

"Estamos sendo acusados não só de dar combate à tal 'oposição moderada', mas também de que teríamos atacado alvos civis, como hospitais, além de mesquitas e escolas. Por resultado desses ataques haveria civis mortos, segundo relatos da mídia-empresa ocidental" - Antonov acrescentou.


O vice-ministro lamentou que "alguns funcionários e políticos de vários estados estrangeiros têm também feito acusações semelhantes [sobre civis mortos em ataques da FAR na Síria]."

Antonov citou, como exemplos, declarações feitas pelo secretário de Estado dos EUA John Kerry, pelo secretário da Defesa dos EUA Ashton Carter, pelo secretário-geral da OTAN Jens Stoltenberg, pelo ministro da Defesa do Reino Unido Michael Fallon e pelo ministro da Defesa da França Jean-Yves Le Drian.

O Ministério Russo da Defesa está "monitorando ininterruptamente e analisando as declarações e as publicações" - o vice-ministro acrescentou. Disse também que a Rússia está mantendo a comunidade russa e a comunidade internacional absolutamente ao par sobre ações da aviação russa na Síria, com informações diárias.

"Se nossos parceiros têm alguma informação adicional, já várias vezes pedimos que as partilhassem conosco."


Acrescentou que se nos próximos dias não aparecerem as indispensáveis provas de mortes de civis nos ataques aéreos da Rússia na Síria, Moscou concluirá que são acusações falsas e parte de uma guerra de informação contra a Rússia.

"Mas se no prazo requerido não aparecer qualquer prova de mortes de civis na Síria, e se as acusações não forem desmentidas, passaremos a considerar que as falsas notícias divulgadas são parte da guerra de informação movida contra a Rússia."


"Em todos os casos em que as autoridades agora convocadas confirmarem oficialmente suas declarações sobre sobre hospitais, mesquitas e escolas destruídas, além das mortes de civis, resultantes de ações das Forças Aéreas Russas, conduziremos investigação exaustiva, da qual... a mídia ocidental será informada."*****

 

27/10/2015, Sputinik News

 

 
4241
Loading. Please wait...

Fotos popular