Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


São Petersburgo em Roma

27.05.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

A exposição “São Petersburgo e Itália: 1750 – 1850” tem mais do que cem pinturas, desenhos e gravuras dos Museus do Hermitage e da História de São Petersburgo.

A influência italiana na arquitectura de São Petersburgo presta homenagem ao património cultural da Itália e do prestígio e influência da Corte Russa na Europa dos séculos 18 e 19.

O projeto “São Petersburgo” foi iniciado em Junho de 1703 por Pedro, o Grande. Construído num pântano, esta grande cidade seria a “janela sobre o ocidente” da Rússia e por essa razão, foi baseada nos padrões ocidentais de arquitectura, utilizando os melhores arquitectos do dia, italianos. Primeiro a chegar foi Domenico Trezzini,que desenhou o Palácio de Verão, o Catedral de São Pedro e São Paulo e os Doze Colégios, no estilo baroque.

Depois da morte de Pedro em 1725, o projeto foi seguido pelo arquitecto russo, Piotr Mikhailovich Eropkin, que estudara em Itália sob Francesco Borromini. Bartolomeu Francesco Rastrelli, que desenhou a sala de receção no Palácio Stroganov, continuou a influência baroque na cidade, e foi seguido por Antonio Rinaldi, que favoreceu o estilo rococo.

Em 1762, Caterina, a Grande, considerando que se deveria introduzir um novo estilo, chamou o arquitecto italiano Giacomo Quarenghi, que desenhou o Teatro Hermitage e outros edifícios, no estilo neo-clássico. Foi seguido por Karl Rossi, que desenhou o Teatro Aleksandrinski (agora Pushkin).

Foram as grandes colecções da Caterina que formaram a base das coleções do Museu Hermitage, que abriu ao público pela primeira vez em 1825.

Timofei BYELO PRAVDA.Ru

 
1738
Loading. Please wait...

Fotos popular