Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


Russia congela toda cooperação militar com a OTAN

25.08.2008 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

A Rússia informou à Noruega de sua intenção de cessar completamente sua cooperação militar com a OTAN. A declaração foi feita no dia seguinte ao do encontro de emergência dos ministros da OTAN a respeito da situação na Geórgia e na Ossétia do Sul.

Os ministros concordaram em não encerrar seus vínculos com a Rússia, embora a cooperação futura viesse a depender da saída da Rússia da Geórgia. Os membros da OTAN não declinaram de sua cooperação com a Rússia, apesar dos apelos dos Estados Unidos.

Uma autoridade de alto nível porta-voz do Ministério de Defesa da Rússia telefonou para a Embaixada da Noruega em Moscou e disse que Moscou estava planejando congelar toda cooperação militar com a OTAN e seus aliados, disse Espen Barth Eide, secretário de estado do ministério norueguês.

Eide disse à AP que a Rússia logo enviará uma nota escrita a respeito de sua decisão à Noruega. Diplomatas noruegueses encontrar-se-iam com suas contrapartes russas na quinta-feira para esclarecer a situação.

"Entendemos que outros países da OTAN receberão notas semelhantes," disse Eide. O ministério disse que a autoridade russa é conhecida da embaixada, mas a Noruega não mencionou seu nome nem forneceu qualquer informação identificadora adicional.

Nem as autoridades do Kremlin, nem o embaixador da Rússia junto à OTAN, Dmitry Rogozin, fizeram qualquer comentário a respeito da notícia.

As autoridades dos Estados Unidos descreveram a decisão da Rússia como infeliz.

"Se realmente for isso, é algo infeliz. Precisamos trabalhar com a Rússia num elenco de questões de segurança, mas obviamente estamos muito preocupados com o comportamento da Rússia na Geórgia," disse o porta-voz do Departamento de Estado dos Estados Unidos Robert Wood.

Nos termos do acordo de 2002 que criou o Conselho OTAN-Rússia, os antigos antagonistas da Guerra Fria deram início a diversos projetos de cooperação. Eles incluem participação ocasional de belonaves russas em patrulhas de contraterrorismo da OTAN no Mar Mediterrâneo, compartilhamento de expedientes de combate ao tráfico de heroína para fora do Afeganistão e desenvolvimento de tecnologia antimíssil de campo de batalha.

Na semana passada, o embaixador da Rússia na OTAN, Dmitry Rogozin , advertiu a aliança ocidental contra a extinção de cooperação, dizendo que os dois lados seriam prejudicados, informa a AP.

A cooperação militar entre Rússia e OTAN acabou, de fato, por iniciativa da última. Um exercício naval FRUKUS Rússia-OTAN tornou-se o primeiro da lista. O evento deveria ter lugar no Oceano Pacífico com a participação de Estados Unidos, Grã-Bretanha, França e Rússia.

Posteriormente, os Estados Unidos barraram a Rússia de uma operação conjunta de antiterrorismo Empenho Ativo - Active Endeavor. O navio de patrulhamento marítimo russo Ladny teve que voltar a sua base em Sevastopol.

Os Estados Unidos decidiram cancelar o exercício antiterrorista Estados Unidos - Rússia previsto para ter lugar em 28-30 de agosto.

Moscou respondeu na mesma moeda. Na terça-feira Moscou retirou-se do exercício anual Espírito Aberto 2008 - Open Spirit 2008.

 
3271
Loading. Please wait...

Fotos popular