Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


Moscovo admite uso de força só com aprovação do Conselho de Segurança da ONU

24.09.2002 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O ministro da Defesa da Rússia, Serguei Ivanov, de visita à Espanha, declarou que a Rússia defende que todas e quaisquer operações militares no mundo sejam realizadas, pelo menos, com o consentimento do Conselho de Segurança da ONU. O ministro russo fez esta declaração em conferência de imprensa em Madrid sobre os resultados das suas negociações com o seu homólogo espanhol, Federico Trillo.

Para Ivanov, o "emprego da força é um meio extremo que só pode ser utilizado quando os outros meios não tiverem dado resultado. Ivanov admite, entretanto, o emprego da força, mas só depois de consultas com o Conselho de Segurança das Nações Unidas.

Os dois ministros não quiseram comentar a nova doutrina estratégica dos EUA, afirmando não terem tido tempo para estudá-la escrupulosamente.

O ministro espanhol disse que não considera possível comentar a doutrina antes de o secretário da defesa dos EUA, Donald Rumsfeld, expor claramente a sua posição a este respeito num encontro informal dos ministros da Defesa da NATO marcado para 24 de Setembro, em Varsóvia. "Por enquanto, não conheço detalhes" - disse o ministro espanhol.

O ministro russo disse, por seu turno, que havia recebido o texto da doutrina, há três dias, durante o seu encontro com Donald Rumsfeld em Washington. "Não tive a oportunidade de estudá-la profundamente, pois é um documento muito sério, de várias páginas" - disse o ministro russo.

© RIAN

 
1495
Loading. Please wait...

Fotos popular