Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


Marasmo de Ministério da Saúde da Rússia

13.02.2007 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O diário russo Komsomolskaia Pravda publicou no fim da semana passada uma lista de setenta e duas doenças que impedem os cidadãos da Rússia de trabalharem como funcionários públicos.

 O documento foi elaborado pelo Ministério da Saúde da Rússia. A lista é encabeçada pela "forma aberta de tuberculose", depois vem a a toxicodependência e o marasmo. Até aqui, nada de extraordinário.

Porém, ficámos também a saber que o hipopitiuitarismo e a acromegalia, ou seja, os anões e os gigantes não poderão ser funcionários públicos, bem como os diabéticos, doentes cardíacos, pessoas com deficiências motoras, etc., etc.

A propósito porque na lista não estão as "doenças vergonhosas": esquentamentos e sífilis, mas também nada diz sobre se é necessário ou não ter a consciência limpa para se ser funcionário público".

Outro jornal, o Moskovskii Komsomolets revela que o actual Primeiro-ministro russo, Mikhail Fradkov é diabético.

 
1009
Loading. Please wait...

Fotos popular