Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


MNE Russo sobre visita do Igor Ivanov às Filipinas

12.12.2002 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

PERGUNTA: Qual o objectivo da próxima visita às Filipinas, entre 15 e 17 de Dezembro, do ministro Igor Ivanov?

YAKOVENKO: A próxima visita do ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia, Igor Ivanov, às Filipinas prova o desejo da Rússia de reforçar a vertente asiática da sua política externa, em particular, à luz das tarefas do combate ao terrorismo internacional que permeiam a agenda internacional.

A cooperação com as Filipinas é um elemento importante da política russa para o Sudeste Asiático e a Ásia do Pacífico. As relações russo-filipinas são caracterizadas pela ausência de problemas e contradições. O diálogo político russo-filipino vem ganhando força nos últimos anos.

O objectivo da visita do ministro Igor Ivanov a Manila é dar reforço às relações bilaterais e continuidade ao diálogo construtivo sobre as questões regionais e internacionais de especial destaque. Esperamos que a sua visita venha a contribuir para o desenvolvimento contínuo da cooperação russo-filipina no plano bilateral e multilateral. PERGUNTA: Que temas constarão da agenda das negociações de Manila? YAKOVENKO: Deverão ser analisados a situação na Ásia do Pacífico, o estado e as perspectivas da segurança naquela região, as vias da cooperação entre a Rússia e os países da Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN) e identificadas eventuais áreas de cooperação entre a Organização de Xangai para a Cooperação (OXC) e a ASEAN.

Merecerão especial destaque a cooperação no combate ao terrorismo internacional e a situação em torno do Iraque.

Deverá ser abordado todo o espectro das relações bilaterais, inclusive os contactos políticos aos mais diversos níveis, assim como a ampliação do quadro jurídico das relações russo-filipinas.

Receberão especial tratamento as questões decorrentes da cooperação económica entre os dois países no sentido de esta ser preenchida de conteúdo concreto e elevada ao nível em que se encontra presentemente o diálogo político entre os dois países. Em 2001, o intercâmbio comercial entre a Rússia e as Filipinas registou apenas 241 milhões de dólares, ou seja, um valor muito abaixo das potencialidades dos dois países.

Neste contexto, um papel importante caberia ao estabelecimento de contactos económicos directos entre as Filipinas e as regiões do Extremo Oriente russo e da Sibéria, em particular no sector de petróleo. O interesse das Filipinas pela cooperação nesta área é evidente.

© RIAN

 
2552
Loading. Please wait...

Fotos popular