Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


Abordagens do tempo medieval na região de Moscovo

12.09.2002 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O governo russo está fazendo seu melhor esforço para convencer a comunidade ocidental do facto que a Rússia está caminhando ao longo da estrada dos países civilizados e desenvolvidos. Os EUA e a União Europeia estão prontos a reconhecer Rússia como um país com economia de mercado.

Porém, há umas tantas contradições, quando falamos da civilização. Os conflitos económicos comuns na região de Moscovo são resolvidos às vezes com métodos medievais. Se tais conflitos acontecessem no ocidente, então geralmente são resolvidos em cinco minutos.

As partes opostas são geralmente as autoridades e os monopólios locais. O director geral da empresa unitária do Estado Mosvodokanal (Rede de Água de Moscovo), Stanislav Khramenkov, deu uma conferência de imprensa hoje. Durante a instrução, disse aos jornalistas que as administrações das cidades da região de Moscovo, como Lyubertsy, Balashikha e Krasnogorsk, recusam pagar à sua companhia pelo serviço de fornecimento de água potável.

A dívida em questão está mais do que 30 milhões de rublos (c. 1m. USD) só este ano. O director da companhia de água de Moscovo indicou que todas as tentativas de resolver esta questão com a administração regional de Moscovo acabaram sem sucesso. Julga que o regulador da região de Moscovo, Boris Gromov, não está disposto a tratar de uma matéria tão insignificante.

Aqueles não-pagamentos podem ser explicados facilmente: as administrações regionais e as instituições municipais não têm dinheiro. É o começo do outono, os débitos devem ser pagados aos professores e aos doutores e a outros empregados. As fontes de água de Moscovo estão no final da lista. Além disso, os incêndios devastaram a Tesouraria da região da capital e esgotaram as fontes de água.

Entretanto, o litígio demora tempos e nada se resolve. Ninguém executa as decisões e tudo fica na mesma.

Kira POZNAKHIRKO PRAVDA.Ru

 
1959
Loading. Please wait...

Fotos popular