Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


Putin: Primeiros quatro anos falam por si

08.03.2004 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

No seu discurso aos seus apoiantes, Vladimir Putin declarou que “o chefe de estado não deve fazer publicidade – isso deve ter sido feito ao longo dos últimos quatro anos”, um período cheio de obstáculos.

Comparando a Federação Russa de hoje com o final de 1999, Vladimir Putin referiu o processo destrutivo do desmembramento da União Soviética e erros graves na condução das reformas económicas e sociais, que tiveram consequências nefastas para a população, reduzindo um terço dos cidadãos a pobreza.

No final de 1999, a dívida externa da Rússia registava 90% do Produto Interno Bruto, o que criou uma dependência “humilhante” sobre as organizações de crédito estrangeiras, nas palavras do Presidente.

Vladimir Putin acrescentou que os jogadores internacionais continuavam a considerar a Rússia como um país inimigo e tudo fizeram para perpetuar o caos dentro do país. Parlamentos regionais passaram leis que contrariavam o poder central e documentos federais foram passados aos líderes das regiões para seu aprovamento antes de serem adoptados como lei.

Por isso, Vladimir Putin teve quatro anos de trabalho “árduo e difícil”. Restaurou a lei constitucional em todas as regiões do país e consolidou o poder executivo. Os processos perigosos da degradação das forças armadas e do poder do Estado foram parados.

Na área económica, durante os primeiros anos da presidência de Putin, o PIB aumentou 29,9% e a taxa de inflação reduziu por três vezes. 50 bilhões de USD da dívida externa já foram pagas, mais juros e esta já não tem o mesmo peso para a economia doméstica enquanto as reservas de ouro no banco central estão no ponto mais alto de sempre, 84 bilhões de USD.

No entanto, há muitas reformas estruturais ainda por fazer. Serão estas o objectivo principal do segundo e último termo da presidência de Vladimir Putin.

Konstantin KODENETS PRAVDA.Ru

 
1997
Loading. Please wait...

Fotos popular