Pravda.ru

Notícias » Federação Russa


Rússia prepara-se para criar sistemas de transportadores marítimos

04.08.2008 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Rússia prepara-se para criar sistemas de transportadores marítimos

A Rússia lançou, com sucesso, um míssil balístico intercontinental a partir do mar em 1o. de agosto de 2008. O lançamento foi efetuado a partir do submarino nuclear Ryazan no Mar de Barents, informa a Interfax, mencionando a autoridade superior do Comando Naval Russo, Igor Dygalo.

"O lançamento foi efetuado de posição sob a água no Mar de Barents. A ogiva do míssil atingiu com sucesso o alvo no campo de testes de Kura em Kamchatka", disse a autoridade. "O exame periódico regular das forças navais estratégicas nucleares do país foi conduzido bem-sucedidamente", acrescentou a autoridade.

O submarino movido a energia nuclear Ryazan foi construído em Severodvinsk, na Rússia, em 1982. Ele é um cruzador nuclear classe Kalmar, projeto 667 BDR (OTAN - Delta-3). O comprimento do submarino é 155 metros; está equipado com 16 mísseis balísticos intercontinentais.

O Almirante Vyacheslav Popov, ex-comandante da Frota Russa do Norte, disse, na segunda-feira, que as Frotas do Norte e do Pacífico logo terão sistemas transportadores marítimos que incluirão porta-aviões nucleares.

Os novos sistemas atuarão em estreito contato com a força aérea e a defesa contra mísseis no interesse da segurança do estado. 

"Dependendo dos objetivos definidos, os porta-aviões poderão cooperar estreitamente com os submarinos, proporcionando uns aos outros estabilidade de combate," disse Popov.

O oficial lembrou a guerra no Iraque, quando os transportadores dos Estados Unidos deram proteção a submarinos nucleares dos quais foram lançados mísseis cruzadores. 

O Almirante Vladimir Vysotsky, Comandante-em-Chefe da Marinha russa, disse que a Rússia criará cinco ou seis grupos de porta-aviões em suas Frotas do Norte e do Pacífico. O comando naval decidiu construir não apenas sistemas de porta-aviões, mas também de cargueiros marítimos.

"A construção de tais sistemas começará depois de 2012. Estarão estreitamente ligados com grupos espaciais," disse o oficial.

A Rússia também lançará o cruzador nuclear Borei, do Projeto 955, equipado com mísseis balísticos. "Os novos Boreis tornar-se-ão, antes de 2040, o centro das forças  estratégicas nucleares da Rússia a partir do mar," acrescentou Vysotsky.

Tradução da versão inglesa da Pravda

Murilo Otávio Rodrigues Paes Leme morpleme@gmail.compwindl@gmail.com

 Mais sobre armamento russo

 

 
2987
Loading. Please wait...

Fotos popular