Pravda.ru

Notícias » Mundo


Novo grupo guerrilheiro surge no México

28.12.2013 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Novo grupo guerrilheiro surge no México. 19483.jpeg

Mateus Ramos
Adital
Foto: Divulgação


Um novo grupo guerrilheiro, denominando "Forças Armadas Revolucionárias - Libertação do Povo (FAR-LP), está sendo criado no México. De acordo com vários comunicados enviados à imprensa mexicana pela internet o grupo pretende lutar contra os abusos do atual governo de Enrique Peña Nieto.


Os guerrilheiros afirmam que o governo está "entregando os recursos naturais do México ao estrangeiro". Dessa forma, eles declararam guerra a todas as empresas estrangeiras que se instalem no país. "As empresas que pretendem instalar-se em nosso país serão consideradas alvos militares, porque nós sabemos defender nossa soberania e daremos uma mostra disso".


Porém, não só contra a instalação de empresas estrangeiras no México lutam os novos guerrilheiros. Eles afirmam que o governo de Peña vem reprimindo de forma violenta todo e qualquer movimento social, além de aprovar reformas que acabam com os direitos dos trabalhadores. "O que mais vamos esperar desse governo que nos aniquila?" Indagaram em um comunicado reproduzido no site 'blogdeizquierda.com'.


Ainda segundo o site 'blogdeizquierda.com', o número de extorsões no México é o maior desde os anos 90. Foram registrados, de dezembro de 2012 até novembro desse ano, mais de 8 mil casos desse tipo de crime, contudo esse número mostra apenas os casos concretizados, em que as pessoas pagam, há registros de mais 74 mil tentativas de extorsão, ou seja, o número pode ser ainda maior, já que nem todos denunciam, com medo de represálias. Os estados onde mais se registra esse tipo de crime são Morelos, Baja California Sur e Quintana Roo, todos sãos em zonas turísticas e com moradores de alta renda.


As FARP - LP afirmam que Peña representa a continuidade do ex-presidente Carlos Salinas, qualificado como "nefasto e principal saqueador do país, já que beneficiou empresários como Carlos Slim e Ricardo Salinas Pliego, ao entregá-los concessões de telecomunicações". Posteriormente esses empresários se tornaram magnatas devido a esquemas de privatização de serviços públicos. Afirmaram.


O comunicado ainda fala que o "roubo sistemático" do atual presidente contrasta com a situação em que vivem os milhares de vítimas das chuvas provocadas pela tormenta Manuel. Eles acusam o governador Ángel Aguirre Rivero de lucrar, junto com seus funcionários, com a necessidade das vítimas.


Os comunicados assinados pelos comandantes: Emilio, Camio e Esperzanza, se encerra com um recado. "Lutar sem descanso contra o governo opressor! Liberdade aos presos políticos! Formar o exército do Povo! Forças Armadas Revolucionárias - Libertação do Povo!".


Autoridades investigam grupo guerrilheiro
Segundo informações do site PINN - Portuguese Independent News Network, as autoridades mexicanas abriram uma investigação sobre a suposta criação de um grupo autodenominado "Fuerzas Armadas Revolucionarias -Liberación del Pueblo" (FAR-LP).


As investigações foram iniciadas após a invasão de uma rede de TV no estado de Guerrero, sul do México, cometida por homens encapuzados e armados com espingardas e pistolas. Eles fizeram um apelo para que a população se "armasse contra o Poder Executivo"


O estado de Guerrero é uma das regiões mais pobres do país, nela operam várias organizações à margem da lei, como o Exército Popular Revolucionário, polícias comunitários e cartéis de droga.

http://www.patrialatina.com.br/editorias.php?idprog=e9f4bcf9d56d5602c41b7ec6ab371bdc&cod=12995

 
4347
Loading. Please wait...

Fotos popular