Pravda.ru

Notícias » Mundo


Estabelecimento de coordenação entre o exército Russo e o Hezbolla

28.11.2016 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Estabelecimento de coordenação entre o exército Russo e o Hezbolla. 25531.jpeg

Estabelecimento de coordenação entre o exército Russo e o Hezbolla

Aviação militar russa foi forçada pelo Presidente Vladimir Putin a parar os seus bombardeamentos sobre os jiadistas em Alepo-Leste durante o fim da campanha eleitoral norte-americana; percebendo-se que qualquer intervenção russa poderia favorecer a eleição de Hillary Clinton. A OTAN aproveitou-se disso para tentar enviar reforços, saidos de Idlib, em direcção a Alepo-Leste. O Hezbolla, apanhado numa tenaz entre os dois grupos jiadistas conseguiu -sozinho- manter as suas posições e evitar a rotura do cerco.

Muito impressionado com esta vitória, o Exército russo pediu para se encontrar com o comando do Hezbolla para estudar as suas tácticas de combate. Um primeiro contacto entre os Russos e os Libaneses já havia ocorrido aquando da batalha de Deraa.

Para além do facto dessas tácticas serem agora ensinadas nas academias militares russas, uma coordenação permanente deverá ficar estabelecida entre o Exército russo e a Resistência libanesa.

Esta reaproximação tardia poderá, a termo, vir a ter um impacto no Líbano, onde está colocado o chefe regional da diplomacia russa, Alexander Zasypkin, e no Irão, cujos laços com o Hezbolla se distendem.

Actualmente, a Rússia não mantém nenhum contacto permanente com partidos políticos libaneses, excepto o Partido Democrático do Príncipe Talal Arslane -um aliado do Hezbolla-. A vida política libanesa é partilhada entre a Arábia Saudita, os EUA, a França e Israel.

Tradução 
Alva

Fonte

 
1976
Loading. Please wait...

Fotos popular