Pravda.ru

Notícias » Mundo


Chavez anti-neoliberal

28.01.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Hugo Chavez incendiou Porto Alegre ontem com o seu discurso contra as oligarquias no seu país, insinuando que há influências estrangeiras a controlar a oposição à democracia em Venezuela.

Denunciou a “conspiração mediática, política e económica” na Venezuela, contra a democracia do país, que ele e o seu governo defende. Avisou os seus opositores que estaria disposto a pegar em armas para defender a democracia no país: “Já guardei a minha carabina e não quero voltar a pegar nela mas se for preciso, não tenham dúvidas que o farei”, declarou.

Ameaçou “encerrar canais de televisão”, falou contra “setores hegemónicos globais” estrangeiros que querem acabar com o projeto da democracia em Venezuela, informou que o seu país irá instaurar um imposto sobre capitais especulativos.

“Tomámos medidas que não agradam aos neo-liberais” mas que vão ao encontro das necissidades do povo. É por esta razão que Hugo Chavez é Presidente da Venezuela, e não outro sicofanta de Washington, que iria ser instaurado no falhado golpe de estado de Abril, 2002.

Juan BRANCO PRAVDA.Ru BOGOTÁ, COLÔMBIA

 
1154
Loading. Please wait...

Fotos popular