Pravda.ru

Notícias » Mundo


Como brigaram Chávez e Uribe

26.11.2007 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

As relações entre Bogotá e Caracas começaram a se deteriorar na quarta-feira com a decisão do governo colombiano de dar por encerrada a missão encomendada, em agosto, ao presidente da Venezuela, Hugo Chávez, para buscar um acordo com as Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) que permitisse a libertação dos seqüestrados por essa guerrilha.

No sábado, Chávez disse sentir-se "traído" por Álvaro Uribe e advertiu que as relações bilaterais seriam comprometidas.

Nesse mesmo dia, Uribe reiterou, em tom conciliador, sua "disposição de manter um diálogo construtivo" com Chávez, e acrescentou que as Farc tinham o interesse de "criar fissuras e antagonismos entre Colômbia e Venezuela".

No domingo, Chávez anunciou que colocaria em um "congelador" a relação com a Colômbia e chegou a dizer que o presidente da Colômbia "cuspiu" em seu rosto.

Ainda no domingo, e após esse forte pronunciamento do Governo venezuelano, o presidente da Colômbia disse a Chávez para não "incendiar o continente" e o acusou de promover "um projeto expansionista".

"Suas palavras e suas atitudes dão a impressão de que o senhor (Chávez) não está interessado na paz da Colômbia, mas em que a Colômbia seja vítima de um governo de terrorista das Farc", afirmou Uribe.

 
1403
Loading. Please wait...

Fotos popular