Pravda.ru

Notícias » Mundo


2.390 Prisioneiros executados em 2008

24.03.2009 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Cerca de 2.390 prisioneiros foram executados em 2008, em 25 países, de acordo com um relatório liberado na terça-feira pela organização de direitos humanos internacional, Anistia Internacional.

De acordo com o relatório, 93% das sentenças de morte executadas em 2008 foram na China, Irã, Paquistão, e nos Estados Unidos, com a China executando a maioria (com cerca de 1.718). O Irã está em segundo com 346 execuções, seguido pela arábia saudita 102, e os Estados Unidos com 37, o estado do Texas executou quase metade (18). O Paquistão executou 36 pessoas no ano passado.

"A pena de morte é um final cruel, um castigo inumano e degradante," disse a secretária geral da Anistia, Irene Khan. "Electrocussões, enforcamentos, injecções letais, tiroteios e pedras não têm nenhum lugar no século 21".

A pena de morte é um "processo legal de terror físico e psicológico que culmina nas pessoas sendo mortas pelo estado," disse Khan disse.

Por todo o mundo ao menos 8.864 pessoas estão na fila da morte, de acordo com o relatório.

 
1112
Loading. Please wait...

Fotos popular