Pravda.ru

Notícias » Mundo


Síria recupera 30 mil peças antigas roubadas por terroristas

18.11.2019 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Síria recupera 30 mil peças antigas roubadas por terroristas. 32128.jpeg

Síria recupera 30 mil peças antigas roubadas por terroristas

 

Damasco, 18 nov (Prensa Latina) As autoridades sírias recuperaram cerca de 30 mil peças antigas que foram roubadas por terroristas e levadas de contrabando para fora do país.

 

Não há cifras exatas do número de peças arqueológicas roubadas mas a verdade é que centenas de milhares foram retiradas do país por grupos terroristas que realizaram escavações ilegais de maneira rústica em quase todos os sítios antigos que estavam nas áreas sob seu controle, disse Nazir Awad, Vice-diretor Geral dos Museus nesta nação árabe.

Awad revelou que as antiguidades foram retiradas do país através das fronteiras dos países vizinhos, especialmente Turquia e Líbano, e disse que as autoridades deste último cooperaram para a recuperação da maioria das 30 mil peças.

Os governos de alguns países, em particular Turquia e Estados Unido, ofereceram apoio logístico às ações de saque, inclusive alguns grupos cruzaram as fronteiras turcas e começaram a fazer escavações em alguns lugares e roubaram milhares de objetos valiosos antigos das diferentes civilizações sírias, denunciou.

Citado pelo jornal local Tishreen, Awad explicou que as autoridades evacuaram em 2012 a maioria dos museus da Síria para preservar seu conteúdo, exceto o museu da província de Idleb que continha 16 mil peças e o museu de Raqa com 5.880 peças.

'Não sabemos o paradeiro do conteúdo destes dois museus, mas supomos que estão na Turquia cujo governo apoia os grupos radicais nessas duas províncias', afirmou.

Recordou que em 2013, aviões de carga das forças aéreas do exército sírio evacuaram para Damasco ao redor de 40 mil estátuas e peças arqueológicas do museu da cidade de Deir Ezzor, que estava sitiada pelos terroristas do Daesh.

Quanto à cidade milenar de Palmira, que foi ocupada em duas ocasiões pelos terroristas do Estado Islâmico (Daesh, em árabe), o vice-diretor dos museus explicou que 'há 3.955 peças perdidas e o os terroristas do Daesh destruíram o museu desta cidade, seu templo e a fachada do anfiteatro romano.

Depois da libertação da maior parte do território sírio do terrorismo e a consolidação da segurança e estabilidade, as autoridades sírias reabriram recentemente os museus de Alepo e Damasco, este último é considerado pelos especialistas um dos 10 museus mais importantes no mundo.

A Síria conta com mais de 16 mil sítios arqueológicos antigos, localizados particularmente no norte e em ambas margens do rio Eufrates, vários dos quais estão inscritos na Lista do Patrimônio Mundial da Unesco.

tgj/fm/jp

Foto: By Zeledi at the English language Wikipedia, CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=14717197

https://www.prensalatina.com.br/index.php?o=rn&id=27222&SEO=siria-recupera-30-mil-pecas-antigas-roubadas-por-terroristas

 

 
3671

Fotos popular