Pravda.ru

Notícias » Mundo


América Latina feliz com vitória dos Socialistas em Espanha

15.03.2004 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Os Presidentes da Argentina, Brasil, Chile e Uruguay congratularam o futuro Primeiro-ministro de Espanha, José Luís Rodriguez Zapatero, na sua vitória nas eleições legislativas no Domingo.

Ainda aterrorizadas pelo ataque que chacinou 200 pessoas e feriu mais que 1 400, os Latino-Americanos seguiram de perto as eleições na Espanha. Laços históricos criaram grande interesse em Argentina, Venezuela, México e Chile, onde muitos espanhóis votaram nele ou no seu adversário do Partido Popular, Mariano Rajoy.

Nas grandes cidades, como Buenos Aires, os dois grandes partidos espanhóis abriram sedes para atrair o eleitorado espanhol. Os rostos de Rodriguez Zapatero e Rajoy eram visíveis em pósteres grandes, como se a eleição tomasse lugar em Argentina.

Na página principal do jornal argentino Página 12, lê-se “Espanha vota para a paz”, enquanto Clarin diz “Derrota catastrófica de Aznar”. Presidente Ricardo Lagos de Chile foi dos primeiros chefes de estado a congratular Zapatero, e o porta-voz de Nestor Kirchner, Aníbal Fernandez, afirmou que o governo da Argentina está “feliz” com o resultado, citando a “afinidade ideológica” entre as partes e uma abordagem semelhante relativo à política externa.

“Queremos ter uma relação de igual para igual com todos os países da América Latina, porque a região é um dos três eixos da nossa política externa”, disse Zapatero na conferência de imprensa quando reconheceu a vitória. (Os outros dois eixos são a Europa e a área do Mediterrâneo).

De facto, os líderes latino-americanos esperam uma relação renovada com a Espanha depois de oito anos de Aznar em que o foco das relações foi a expansão dos multinacionais espanhóis na região. Venezuela sentiu na pele a política externa de Aznar: Espanha deu seu aval ao golpe de estado de 48 horas em 2002 contra Presidente Chavez. Depois, veio a público a notícia que a empresa espanhola de petróleo, Repsol, estava interessada numa eventual privatização do gigante venezuelano, PDVSA.

Outro assunto importante é a comunidade de imigrantes ilegais da América Latina na Espanha, que esperam uma definição da sua situação.

Hernan ETCHALECO PRAVDA.Ru BUENOS AIRES ARGENTINA

 
2263
Loading. Please wait...

Fotos popular