Pravda.ru

Notícias » Mundo


Marinheiros georgianos capturados por piratas voltam a casa

11.03.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

No dia 30 de Julho de 2002, seis marinheiros georgianos foram capturados por piratas perto da costa da Somália. Após sete meses de cativeiro, voltaram hoje para casa a bordo dum navio cisterna grego. Artur Arutyunyan, o capitão do navio cisterna georgiano capturado, disse numa conferência de imprensa que o dono do navio pagou um resgate de 80,000 USD aos piratas para que a tripulação fosse libertada, mas depois de receber o dinheiro, os piratas decidiram ficar com o navio cisterna, e a tripulação, e aumentar o pedido de resgate.

A tripulação detida pelos piratas declararam que a sua liberdade deve-se à falta de atenção dos guardas e muita sorte. No dia 9 de Fevereiro, a tripulação mandou os piratas irem comprar cigarros, retiraram a âncora e rumaram para águas internacionais.

Devido a uma tempestade, os piratas não conseguiram apanhar o navio cisterna e a tripulação deste conseguiu fazer contacto com um navio grego na vizinhança.

Quando chegaram ao aeroporto de Tblissi, as famílias de Artur Arutyunyan, Zurab Georgadze, Nikolai Pyzhhov, Alexander Chichadze, Anatoly Arkhangorodsky e Guladi Rrukhadze estavam presentes para dar as boas vindas.

Konstantin KODENETS PRAVDA.Ru

 
1260
Loading. Please wait...

Fotos popular