Pravda.ru

Notícias » Mundo


Chávez tem apoio de 83% dos venezuelanos

08.04.2006 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Depois de sete anos no poder, a administração do presidente Hugo Chávez continua gozando das preferências dos venezuelanos, de acordo com os resultados de um levantamento de opinião pública realizado pelo Instituto Venezuelano de Análise de Dados (Ivad) no mês de março de 2006.

Para 83,1 % das pessoas, o desempenho do presidente é avaliado em termos favoráveis da seguinte maneira: 22,9 % o qualifica de regular para bom; 41,8 % considera bom; 18,4 % dizem que é excelente.

De acordo com o levantamento realizado entre 14 e 17 de março, entre 1200 pessoas de Caracas, mais nove capitais e outras cidades menores, somente 5,7 % das pessoas estimam que o desempenho de Chávez à frente da Presidência vai de regular a mau, 5,5 % crêem que é mau e 4,6 % o qualificam como péssimo.

A alta pontuação atribuída à gestão de Chávez contrasta, entretanto, com a visão generalizada de que na Venezuela há muita corrupção (72,6 %) e a percepção majoritária de que o governo faz pouco e nenhum esforço para combater esse flagelo, opinião partilhada por 53,5 %.

Em contraposição à alta avaliação do presidente Chávez, a oposição venezuelana surge sem nenhuma figura que assuma sua liderança e a militância dos cinco principais partidos que se opõem ao governo não chega sequer à metade da que tem o Movimento Quinta República, principal partido de sustentação do governo.

Em matéria de pré-candidaturas da oposição, entre Manuel Rosales (atual governador do Estado de Zulia e um dos dois - dentre os 22 - governadores eleitos pela oposição), Teodoro Petkoff (ex-guerrilheiro e dono do diário Tal Cual), Julio Borges (Primeiro Justiça), Henrique Salas Feo (Copei) e Henrique Salas Römer (Ação Democrática), a preferência dos eleitores da oposição recai em Julio Borges com 17,2 %.

Contudo, para cada venezuelano que se pronuncia em favor de Borges, existem quase quatro que não sabem ou não respondem quem deveria ser o candidato único da oposição. Essa opção cobre 61,6 % dos entrevistados.

PT

 
2161
Loading. Please wait...

Fotos popular