Pravda.ru

Notícias » Mundo


Brasil não quer isolamento do governo de Chávez

08.02.2007 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O ministro de Relações Exteriores, Celso Amorim, disse ontem que o Brasil não vai auxiliar o governo Bush a conter o venezuelano Hugo Chávez, segundo Reuters.

O subsecretário de Estado para Assuntos Políticos, Nicholas Burns, ouviu do ministro Amorim que a política de isolamento não dá resultado e acabou concordando com a necessidade de diálogo direto.

"O Brasil não fica passando recado. Eles têm embaixador lá. Há formas de diálogo sem necessidade de que o Brasil se arvore como mediador", disse Amorim, que lembrou ao subsecretário que o Brasil já participou de iniciativas passadas nesse sentido, a exemplo do Grupo de Amigos da Venezuela.
Ele ouviu de Burns que "os EUA também têm disposição para o diálogo".

"O que sempre digo, e ele não discordou, é que a boa política é a do diálogo, mas claro que é preciso que os dois queiram dialogar", disse Amorim.
Segundo ele, a conversa sobre a Venezuela ocupou pequena parte do encontro e não se discutiu como estabelecer esse diálogo.

Estão em negociações as datas de um encontro entre os presidentes Lula e George W. Bush e uma nova visita da secretária de Estado Condoleezza Rice ao Brasil.

Em Washington, Rice atacou Chávez ontem: "Penso que o presidente da Venezuela está destruindo seu país, econômica e politicamente".

 
1394
Loading. Please wait...

Fotos popular