Pravda.ru

Notícias » Mundo


Obama faz questão de defender projeto de reforma sanitária

07.02.2010 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Washington (Prensa Latina) O presidente estadunidense, Barack Obama, destacou que a reforma de saúde não tem fracassado e pediu a correligionários acelerar a confirmação parlamentar do projeto. Obama recordou que ainda que o novo plano de cuidados médicos ainda não tem sido oficialmente referendado, seu custo já está incluído no orçamento fiscal de 2011.

A proposta de despesas federais para o próximo ano contém uma reserva de fundos para a legislação por valor de 634 bilhões de dólares, recordou o diário USA Today.

Segundo analistas políticos, com a colocação dessa partida financeira a administração Obama quer demonstrar que não abandonou a ideia da reforma apesar de seus tropeços no Congresso.

Nunca deixarei de fazer questão da importância desta modificação nacional nos seguros sanitários, advertiu o primeiro mandatário durante uma reunião nesta quarta-feira com senadores democratas.

A reforma ao sistema sanitário norte-americano é um desafio que tem vencido a anteriores governos, sobretudo do partido azul, mas a atual recessão faz mais imperativo uma mudança legislativa.

Estados Unidos gasta aproximadamente dois bilhões e 500 milhões de dólares ao ano na rede de saúde, no entanto a operação deixa 46 milhões de pessoas sem nenhum tipo de proteção.

Nesta semana uma instituição não governamental advertiu que legisladores conservadores em 34 estados estão propondo leis locais para invalidar mandatos da reforma sanitária nacional.

De acordo com o American Legislative Exchange Council, as propostas estão sendo estudadas em Idaho, Virginia, Georgia, Pennsylvania, Missouri, e Nebraska, entre outros estados.

A maioria dos congressistas quer regulamentar uma defesa para que os cidadãos possam eleger seus próprios seguros e não sejam multados por recusar os dispostos por Washington.

http://www.patrialatina.com.br/editorias.php?idprog=7cc5ca26d6fbb6db2b134ef07cc68925&cod=5423

 
2035
Loading. Please wait...

Fotos popular