Pravda.ru

Notícias » Mundo


Rússia poderá alterar posição sobre Iraque

03.02.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

A Rússia não exclui a possibilidade de ser aprovada uma nova resolução em relação ao Iraque - disse, esta segunda-feira, o Presidente da Rússia, Vladimir Putin, num encontro com jornalistas posterior à reunião com o primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi.

"Se for necessário elaborar uma nova resolução, vamos pensar sobre isso. Por enquanto, não o consideramos necessários, mas não excluímos tal possibilidade" - disse Putin.

Ao referir-se à Resolução anterior do Conselho de Segurança das Nações Unidas em relação ao Iraque, Vladimir Putin ressaltou que a Rússia considerava que a resolução anterior era suficiente. Todavia, ao ter ouvido os argumentos dos seus parceiros, a Rússia concordou - disse o Presidente russo.

Vladimir Putin concorda que "boa parte da responsabilidade recai sobre o Iraque que deve colaborar com os inspectores". O líder russo salientou que a Rússia "tem pressionado continuamente o Iraque". Recentemente, esteve em Bagdade uma missão oficial russa chefiada por um dos vice-ministros dos Negócios Estrangeiros - recordou Vladimir Putin.

Putin relembrou ainda que Bagdade aceitou entrevistas privadas com os cientistas iraquianos, inclusive no estrangeiro. Além disso, as autoridades iraquianas anuíram em que os inspectores inspeccionassem casas particulares. "Isso parece uma violação dos direitos do homem. Mas Bagdade aceitou-o" - frisou Putin.

O líder russo considera correcta a posição do primeiro-ministro italiano de que o Conselho de Segurança deve saber onde se encontram as armas e se estas foram destruídas.

Interrogado sobre se é preciso conceder mais tempo aos inspectores, o Presidente russo disse: "Os inspectores dizem que precisam de mais tempo, nós confiamos neles e temos de dar-lhes mais tempo".

© RIAN

 
1865
Loading. Please wait...

Fotos popular