Pravda.ru

Notícias » Desporto


A Missão Social do Fundo Soberano de Angola apoia o Centro Oftalmológico de Benguela

28.07.2016 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
A Missão Social do Fundo Soberano de Angola apoia o Centro Oftalmológico de Benguela. 24806.jpeg

A Missão Social do Fundo Soberano de Angola apoia o Centro Oftalmológico de Benguela

O PCA do FSDEA aborda o programa de reforço da capacidade nacional de tratamento oftalmológico e da lepra com a Solidariedade Evangélica

Benguela, 27 de Julho de 2016 - Uma delegação chefiada pelo PCA do Fundo Soberano de Angola (FSDEA), José Filomeno dos Santos visitou ontem o "Centro Oftalmológico" de Benguela, administrado pela Solidariedade Evangélica (SOLE), no qual se realizam cirurgias de remoção de cataratas.

 

Filomeno dos Santos afirmou: "No âmbito da Missão Social, divulgada em Janeiro do ano corrente, o Fundo Soberano de Angola tem apoiado diversos projectos sociais no ramo da saúde, através de parcerias com organizações não-governamentais como a SOLE. Viemos constatar pessoalmente o desenvolvimento do programa de reforço da capacidade nacional de tratamento oftalmológico e da lepra, que conta com uma doação equivalente a $630.000,00 (Seiscentos e Trinta Mil Dólares Norte Americanos). Ficamos verdadeiramente impressionados com o apoio prestado a centenas de pacientes, que tinham perdido parte da visão devido a catarata, e foram reabilitados através deste programa. Actualmente o programa de reforço da capacidade nacional de tratamento oftalmológico é acessível a pacientes de oito províncias. Parceiros sociais com a abrangência da SOLE permitem o aumento do alcance e impacto da Missão Social do FSDEA na vida da população mais carente do nosso país, porque estão presentes em todos os municípios do território nacional".

 

O Secretário Geral da SOLE, Armandio Mavela, por sua vez, congratulou-se pela visita da delegação e reiterou a importância da Missão Social do FSDEA: "Expressamos a nossa gratidão pelo apoio do FSDEA e de outros parceiros. Tal apoio é essencial para a nossa organização a medida que almejamos ajudar as pessoas com deficiência nas nossas comunidades através da recuperação da visão e também a cura, e integração de pessoas atingidas pela lepra, tornando-as assim cidadãos socialmente e economicamente viáveis".

 

Através do apoio da Missão Social do FSDEA, médicos estrangeiros têm formado especialistas nacionais na cirurgia de remoção da catarata para aumentar a abrangência e sustentabilidade do programa de reforço da capacidade nacional de tratamento desta enfermidade. Não obstante, o apoio financeiro também cobre parte das despesas salariais dos funcionários e a manutenção de equipamentos indispensáveis para o funcionamento do estabelecimento.

 

A catarata é uma opacidade na lente do olho que causa falta de nitidez e eventualmente a cegueira caso não seja removida cirurgicamente. A visão pode ser restaurada através da remoção cirúrgica da parte afetada da lente e a substituição da mesma por outra artificial. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), a catarata causa metade dos casos de cegueira a nível mundial, apesar de existirem tratamentos para prevenir a perda da visão.

A SOLE é o único provedor de saúde que detém capacidade para realizar cirurgias de remoção de catarata fora de Luanda e Benguela. Para além do Centro Oftalmológico de Benguela, os seus cirurgiões operam em vários hospitais e clínicas religiosas a nível nacional. As duas técnicas de cirurgia são usadas a de micro-incisão (MICS) e a de faco-emulsificação. Actualmente, estas intervenções realizam-se em oito províncias; entre as quais Benguela, que é o centro-administrativo e de apoio, Zaire, Cunene, Huambo, Bié, Cuando-Cubango, Lunda-Sul e Cuanza-Sul.

 

Só em 2014, foram realizadas mais de 25.000 consultas em 10.000 centros de expansão, que permitiram a realização de mais de 3.000 cirurgias e o atendimento de 1000 pacientes. Os parceiros de implementação do programa de reforço da capacidade nacional de tratamento oftalmológico e da lepra consistem na Igreja Evangélica Baptista em Angola (IEBA), a Igreja Católica, Igreja Evangélica Congregacional em Angola (IECA) e a Igreja Evangélica Convenção Baptista de Angola (CBA).

 

Ao abrigo da alínea c) do nº 3 do artigo 6º da Política de Investimentos do Fundo Soberano de Angola, aprovada pelo Decreto Presidencial nº 107/13, de 20 de Junho, até 7.5% do capital da instituição deve ser alocado a projectos sociais. O regulamento para o financiamento dos projectos de desenvolvimento social e investimentos de responsabilidade social, adoptado pelo conselho de administração do FSDEA, é denominado "Missão Social" e dedica-se aos domínios da formação, autossustento, acesso a água e a saúde.

 

A Missão Social do FSDEA avalia continuamente o impacto social dos projectos passiveis de apoio financeiro. Esta tarefa visa averiguar a realização de transformações sustentáveis em benefício da população angolana e da economia nacional, bem como a criação de prosperidade no país. O objetivo é gerar oportunidades para que cada vez mais cidadãos nacionais participem no desenvolvimento económico, contribuindo para a coesão social e o bem público.

 

Sobre o Fundo Soberano de Angola

O Fundo Soberano de Angola (FSDEA) é um fundo autónomo do Estado da República de Angola. Foi estabelecido de acordo com os padrões internacionais mais recomendáveis de governação e tem vindo a diversificar a sua carteira de investimento em vários ramos económicos e classes de activos financeiros, de acordo com a sua política de investimento e regulamentos de gestão. Ao privilegiar investimentos que gerem retornos financeiros e sociais sustentáveis a longo prazo, o FSDEA desenvolve um importante papel na promoção do desenvolvimento socioeconómico do país e na criação de património para as futuras gerações de Angola.

 

 
7262
Loading. Please wait...

Fotos popular