Pravda.ru

Notícias » Desporto


HOQUEÍSTAS DA NHL JOGARÃO NA RÚSSIA

19.10.2004 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Como informou o serviço de imprensa da Liga de Hóquei Profissional (LHP), nos 15 clubes da primeira divisão (Superliga) actuam 30 jogadores russos que faziam parte da NHL.

Entre eles figuram tanto as estrelas das primeiras vagas de emigração de hoqueístas russos como Serguei Gontchar, Andrei Nikolichin, Aleksei Morozov, Viktor e Viatcheslav Kozlov como os jogadores admitidos relativamente há pouco como, por exemplo, Ilha Kovaltchuk ou Denis Arkhipov.

Quase todos eles assinaram os chamados contratos de seguro, segundo os quais os clubes russos não lhes deverão pôr nenhuns obstáculos ao regresso à NHL em caso de cessação do "lock-out". É de notar que os vencimentos dos internacionais russos estipulados nos contratos são plenamente comparáveis às suas remunerações na NHL, tendo especialmente em conta a taxa de impostos praticada na Rússia em comparação com a americana ou canadiana.

Os números exactos relativos aos vencimentos dos hoqueístas não são divulgados mas, de acordo com a informação de uma série de meios de comunicação social russos, Kovaltchuk, por exemplo, receberá durante a temporada de jogos no Ak Bars de Kazan, perante o qual a direcção do Tatarstão colocou a tarefa de vencer o campeonato, cerca de 3 milhões de dólares.

O Dínamo de Moscovo ofereceu contratos de milhões de dólares a Maksim Afinoguenov, Andrei Markov, Artiom Tchubarov, Pavel Datsiuk; o Severstal de Tcherepovets a Oleg Kvacha; o Metallurg de Magnitogorsk a Serguei Gontchar. Os vencimentos anuais de Aleksandr Siomin e Viktor Kozlov, jogadores de Togliatti, e de Andrei Nikolichin, Aleksandr Frolov, Nikolai Jerdev e Oleg Saprykin do clube militar de Moscovo totalizam centenas de milhares de dólares. Além disso, os clubes pagam, via de regra, a renda de casa, o carro e o seguro.

Na opinião do director desportivo da LHP, Nikolai Uriupin, o regresso de jogadores internacionais aos clubes russos não ficará por aqui. Não está excluído que regressem à Rússia ainda antes do Ano Novo jogadores tão cotados como Aleksei Kovaliov, Serguei Brylin, Aleksei Yachin, Danilo Markov, Darius Kasparaitis e Evgueni Nabokov que por enquanto se encontram na América do Norte.

Se isso acontecer, será a primeira vez em muitos anos que os treinadores da selecção russa não deverão ter problemas com a formação da equipa que jogará no Campeonato Mundial e nas etapas do Torneio Europeu.

Aliás, os adeptos russos de hóquei terão a 13 de Dezembro mais uma possibilidade de ver em campo não só os jogadores russos da NHL, mas também os "verdadeiros" membros da Liga dos EUA e Canadá. Nesse dia realizar-se-á no Estádio Lujniki o jogo de despedida do famoso hoqueísta Igor Larionov. O jogador, duas vezes campeão olímpico, vencedor por diversas vezes dos campeonatos mundiais e europeus e possuidor da Taça Stanley convidou a jogar em Moscovo as maiores estrelas do hóquei mundial.

Mikhail Smirnov observador desportivo RIA "Novosti"

 
3035
Loading. Please wait...

Fotos popular