Pravda.ru

Notícias » Desporto


Atenção para a raiva no trânsito!

12.11.2013 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Atenção para a raiva no trânsito!. 19192.jpeg

Muitas pessoas no Brasil estão diariamente dirigindo seus carros e motos, comportando-se, de certo modo, como um resultado direto de seus estados emocionais.

Por Lygya Maya

A emoção da raiva, em geral, é gerada pela interpretação de que alguém te desrespeitou.

Quando você pensa que alguém te desrespeita, dependendo da sua maturidade emocional, você pode passar por vários sentimentos e reações em fração de segundos.

Aqui vão cinco exemplos do que escrevo com algumas dicas:

a) Você pode pensar em praticar a mesma ação negativa do individuo que te desrespeitou para provar que não leva desaforo pra casa. E é dessa maneira que milhares de assassinatos e brigas corporais são criados.

b) Você pode fazer tudo para se vingar mesmo que injustamente como parece ter sido o caso da médica com os dois jovens em Ondina.

Mas....

c) Você também pode fechar o vidro do carro e, se por um acaso, sentir que precisa extravasar, você pode xingar até a quinta geração do individuo, ouvir sua musica favorita e seguir em frente sem se machucar ou machucar alguém, e fica por isso mesmo, valeu o desabafo. O que é até benéfico para seu sistema nervoso se estiver muito abalado com o desrespeito.

d) E há aquela pessoa que é muito calma e consegue deixar pra lá e ignorar qualquer desrespeito.

e) E dependendo de alguns raros indivíduos há aqueles que usam seu senso de humor para esfriar qualquer problema emocional por parte do outro e até sorri do incidente.

Tudo vai depender de sua educação emocional, se você não sabe controlar suas reações vulcânicas é porque você é um ignorante emocional, ou seja, não tem poder sobre suas emoções e pode até sair do sério em alguma ocasião que se sinta desrespeitado em demasia. Conclusão...

Nem todo mundo sabe como agir de acordo com o que acreditamos. Portanto se a pessoa que pensamos que nos desrespeitou agiu de forma injusta e/ou negativa é porque ela não tem a mesma educação que temos e cabe a nós seguir em frente de forma POSITIVA.

Se achamos que a ação da outra pessoa foi negativa pra que vamos fazer igual a ela? Não faz sentido.

Talvez dando um exemplo positivo seja uma boa influência, e talvez possamos evitar um desastre fatal, talvez nossa vida e a de outra pessoa seja poupada. Vale à pena isso pra você?

*Lygya Maya é coach , escritora e palestrante. Desenvolveu sua carreira nos Estados Unidos, onde atuou na companhia do mestre em motivação Anthony Robbins. É autora do e-book Ame as Emoções que Você Odeia (2008), disponível em www.lygyamaya.com.br.

http://www.debatesculturais.com.br/atencao-para-a-raiva-no-transito/

 

 
3659
Loading. Please wait...

Fotos popular