Pravda.ru

Notícias » Desporto


Palmeiras bate Coritiba e fica em vantagem

07.07.2012 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Palmeiras bate Coritiba e fica em vantagem. 16859.jpeg

Num de um pênalti polêmico para o Palmeiras e um claro não marcado para o Coritiba, o time paulista soube aproveitar melhor as chances que criou para vencer por 2 a 0 na Arena Barueri, na noite desta quinta-feira, e largar na frente na final da Copa do Brasil. Valdivia, de pênalti, e Thiago Heleno, de cabeça, marcaram os dois gols do time da casa.

O resultado faz o Palmeiras jogar com o regulamento embaixo do braço no jogo de volta, quarta-feira que vem, às 21h50, no Couto Pereira, uma vez que pode perder por um gol de diferença. Uma derrota por dois gols, desde que balançando as do time da casa, também dá o título ao Palmeiras. Novo 2 a 0, desta vez para o Coritiba, leva o jogo para os pênaltis.

No Couto Pereira, o Palmeiras não vai poder contar com Valdivia, expulso por dar uma cotovelada em Willian Farias. Barcos também não joga. Ele teve que passar por uma cirurgia de apêndice nesta tarde, pouco depois de deixar a concentração palmeirense, e não da partida da Arena Barueri. Henrique, que cumpriu suspensão automática esta noite, volta ao time na quarta.

O JOGO - O primeiro tempo poderia ter terminado com uma goleada do Coritiba sobre o Palmeiras. Chances para isso não faltaram. Mas o time paranaense, mesmo ajudado pela desatenção da zaga palestrina e pela péssima partida de Márcio Araújo (substituto do suspenso Henrique), parou no goleiro Bruno ou nas suas próprias falhas.

O primeiro gol perdido teve meia parcela de culpa para Júnior Urso, que recebeu totalmente livre nas costas da zaga. Bastava tirar de Bruno, mas ele bateu em cima do goleiro, que acabou fazendo boa defesa. No lance seguinte, Gil ganhou de Márcio Araújo e cruzou. Rafinha chegou um pouco tarde, bateu desequilibrado e chutou por cima, também sem marcação.

Quando o Coritiba fez tudo certo, Bruno salvou. Willian Farias tabelou com Rafinha, recebeu na direita da área e bateu cruzado. O goleiro fez ótima defesa.

No quarto lance claro de gol para o Coritiba, um show de horrores. Thiago Heleno chutou em cima de Lucas Mendes, a bola subiu e foi em direção à área palmeirense. Os zagueiros e o goleiro ficaram olhando e tanto Everton Costa quando Gil ficaram em condição de marcar, livres. Mas os dois bateram cabeça, Gil pegou mal na bola e recuou para Bruno.

Quando parecia que o Palmeiras iria para o vestiário ouvindo uma sonora vaia, uma ajudinha da arbitragem. Jonas e Betinho se abraçaram na área para tentar cabecear batida de falta de Marcos Assunção. Ambos caíram, mas Wilton Pereira Sampaio preferiu marcar falta do coritibano. Pênalti que o bigodudo Valdivia bateu no canto esquerdo, deslocando o goleiro Vanderlei, para fazer 1 a 0, aos 47 minutos. Na comemoração, uma homenagem a Barcos.

O segundo tempo caminhou no mesmo sentido. O Coritiba mandava no jogo, tocava a bola no campo de ataque e o Palmeiras sofria com a falta de criatividade no meio-campo. Mas aí veio mais uma bola parada de Marcos Assunção. Aos 19, ele cobrou falta na área, a bola bateu nas costas de Lincoln e foi em direção a Thiago Heleno, que se subiu mais que o marcador e testou para fazer 2 a 0.

E foi quando as coisas finalmente pareciam ficar boas para o Palmeiras que Valdivia resolveu aprontar. Tomou a frente de Willian Farias e não apenas fez falta por baixo como acertou uma cotovelada no rosto do adversário, visivelmente intencional. O árbitro ainda foi complacente. Deu só amarelo, mas já era o segundo e Valdivia foi embora mais cedo, se despedindo da competição.

O resultado final poderia ter sido diferente se Wilton Pereira Sampaio não tivesse deixado de dar um pênalti claro de Márcio Araújo sobre Tcheco, aos 31 minutos. Ou se Maikon Leite não tivesse perdido um gol também claro. No primeiro toque dele na bola, aos 37, o atacante atravessou grande parte do campo de ataque sozinho, driblou Vanderlei, mas demorou a chutar, pegou mal na bola e permitiu a recuperação do goleiro, que salvou praticamente em cima da linha.

FICHA TÉCNICA:

PALMEIRAS 2 X 0 CORITIBA

PALMEIRAS - Bruno; Artur, Maurício Ramos, Thiago Heleno e Juninho; Márcio Araújo, Marcos Assunção, João Vítor e Valdivia; Mazinho (Maikon Leite) e Betinho. Técnico - Luiz Felipe Scolari.

CORITIBA - Vanderlei; Jonas, Émerson, Pereira e Lucas Mendes; Willian Farias, Júnior Urso (Tcheco), Everton Ribeiro (Lincoln) e Gil (Anderson Aquino); Rafinha e Éverton Costa. Técnico - Marcelo Oliveira.

GOLS - Valdivia (pênalti), aos 47 minutos do primeiro tempo. Thiago Heleno, aos 19 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Wilton Pereira Sampaio (GO).

CARTÕES AMARELOS - Márcio Araújo, Tcheco, Émerson, Jonas e Júnior Urso.

CARTÃO VERMELHO - Valdivia.

RENDA - R$ 1.874,214.

PÚBLICO - 28.557 pagantes.

LOCAL - Arena Barueri, em Barueri (SP).

http://www.dgabc.com.br/News/5967464/palmeiras-bate-coritiba-e-fica-em-vantagem.aspx

 

 
5790
Loading. Please wait...

Fotos popular