Pravda.ru

Notícias » Desporto


Verónika Mendoza, da Frente Ampla, é a candidata em ascensão na disputa presidencial peruana

05.04.2016 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 
Verónika Mendoza, da Frente Ampla, é a candidata em ascensão na disputa presidencial peruana. 24102.jpeg

Verónika Mendoza, da Frente Ampla, é a candidata em ascensão na disputa presidencial peruana

Em outubro de 2015, Opera Mundi publicou uma entrevista com Verónika Mendoza. Candidata apresentada pela Frente Ampla, bem articulada, com plataforma de governo de caráter democrático-popular, militante da esquerda, com 35 anos de idade, participava da corrida eleitoral com pouquíssimas chances. Naquela altura, mal alcançava 2% das intenções de voto.

Por Max Altman/Opera Mundi

Hoje, a uma semana das eleições presidenciais peruanas que terão lugar no próximo domingo, 10 de abril, a situação é completamente distinta.

O candidato presidencial de "Peruanos por el Kambio", o ex-primeiro-ministro Pedro Pablo Kuczynski (PPK), de centro-direita, e Verónika Mendoza, da "Frente Amplio", disputam o segundo lugar, de acordo com a mais recente pesquisa do jornal peruano El Comercio em parceria com o instituto Ipsos.

Segundo a pesquisa, PPK tem 16,8% das intenções de voto enquanto Verónika Mendoza alcança 15,5%, um empate técnico dentro da margem de erro.

Ocorre que em relação a pesquisa da semana passada, PPK cresceu em sua intenção de voto de 16 para 16,8 por cento, enquanto Veronika deu um salto de 12,1 a 15,5 por cento. Crescer 3,4 pontos percentuais no lapso de uma semana constitui uma verdadeira onda de crescimento.

Outras duas empresas de levantamento de opinião apontam números parecidos: segundo pesquisa da GFK, PPK aparece com 15,1% contra 15% de Verónika. De acordo com a Datum, o ex-primeiro-ministro aparece com 16% e a candidata da Frente Ampla com 14,8%.

A candidata da Força Popular, Keiko Fujimori, filha do ex-presidente Alberto Fujimori que está preso cumprindo pena, se mantém em primeiro lugar com 34,4% das intenções de voto.

Na quarta posição aparece o aspirante da Ação Popular, Alfredo Barnechea, com 8%. Em quinto lugar está o candidato da Aliança Popular, o ex-presidente Alan García, com 5,3%. O ex-presidente Alejandro Toledo aparece em oitavo lugar com apenas 0,9% das intenções.

A pesquisa aponta que 15,5% do eleitorado votariam nulo ou em branco.

Se a tendência se confirmar, a disputa no segundo turno se dará entre Verónika Mendoza e Keiko Fujimori. Será uma nova eleição e acenderá uma forte esperança para Verónika, uma vez que Keiko tem alta rejeição que ultrapassa os 40%.

Fonte

 

 
2945
Loading. Please wait...

Fotos popular