Pravda.ru

Notícias » Portugal


6º Festival anual de teatro académico de Lisboa

07.05.2005 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

COMISSÃO DE HONRA

Ministra da Cultura| Isabel Pires de Lima

Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior |Mariano Gago

Presidente da Fundação Calouste Gulbenkian | Emílio Rui Vilar

Carmen Dolores

Luísa Costa Gomes

Carlos Fragateiro

Eduardo Prado Coelho

Luís Miguel Cintra

e o Magnífico Reitor da Universidade de Lisboa | José Barata-Moura

Vimos convidar Vª Exª estar presente na APRESENTAÇÃO AOS MEDIA - Café-Teatro | 10 de Maio, terça-feira, 16.00h, na Reitoria da Universidade de Lisboa, com a presença de INDIVIDUALIDADES, das COMISSÕES do FATAL, EQUIPA REITORAL da Universidade de Lisboa, de ACTORES, ENCENADORES CONVIDADOS e dos GRUPOS DE TEATRO participantes.

Começam já no próximo dia 17 de Maio, terça-feira, os espectáculos da 6ª edição do Festival Anual de Teatro Académico de Lisboa - FATAL 2005, a decorrer na nova sala de teatro TEATRO DA POLITÉCNICA ( Museus da Politécnica - Rua da Escola Politécnica) às 21.30h, até 29 de Maio, Domingo, com organização da Reitoria da Universidade de Lisboa - Gabinete de Actividades Culturais.

13 noites, 13 peças, 13 grupos de teatro universitário vindos de todo o país e de Espanha, trazendo à cidade de Lisboa as suas mais recentes encenações, no maior Festival de Teatro Académico nacional.

As Tertúlias, no Bar do Teatro - pondo a arte de palco à conversa com actores, encenadores e público -acontecem todas as noites, após a peça.

A Festa FATAL encerra o Festival, no dia 2 de Junho, 23h, no Café-teatro Santiago-Alquimista.

Com mais de 2500 espectadores na edição anterior, a irreverência, a experimentação artística, a procura e intercâmbio de saberes e a Tradição centenária do teatro universitário estão em cena no, no VI FESTIVAL ANUAL DE TEATRO ACADÉMICO DE LISBOA, para uma nova existência em palco de autores consagrados e encenações que primam pelo arrojo, num evidente testemunho do dinamismo cultural dos estudantes do Ensino Superior, da vitalidade da escola de actores que é o Teatro Universitário, como o provam nomes como Luís Miguel Cintra, Jorge Silva Melo, Maria do Céu Guerra, entre tantos outros.

A Organização do FATAL 2005

 
2405
Loading. Please wait...

Fotos popular