Pravda.ru

Notícias » Moçambique


Cahora Bassa: Muito se fala

11.03.2006 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

Presidente Armando Guebuza, em Lisboa para a tomada de posso do novo presidente português, Aníbal Silva, teve reuniões para tentar acelerar o processo da entrega do controlo da barragem hidro-eléctrica de Cahora Bassa (HCB) a Moçambique.

Em 2 de Novembro, foi assinado um Memorando de Entendimento, em que o Estado português iria diminuir a sua posse da HCB de 82% para 15%, enquanto a posição do Estado de Moçambique iria aumentar dos 18% actuais para 85%, em troca de 950 milhões de USD – 250 dos quais da HCB e o restante do Estado de Moçambique. O processo na altura era suposto levar algumas semanas mas passados quatro meses, ainda está por se realizar.

Armando Guebuza declarou à imprensa depois da sua reunião com o Primeiro Ministro português, José Sócrates, que na próxima semana uma delegação portuguesa irá viajar até Moçambique para continuar o processo com visto a terminá-lo atempadamente. Descreveu a razão para o impasse como “pormenores técnicos”.

Serão esses pormenores técnicos o facto que as contas nacionais de Portugal estão num estado tão lastimoso depois de anos seguidos de políticas da direita, que agora estão a pensar outra vez, introduzindo factores que não estavam no documento de Novembro? Caso sim, teria sido melhor nem iniciar o processo.

Bento MOREIRA PRAVDA.Ru MAPUTO MOÇAMBIQUE e Cristina GARCIA PRAVDA.Ru PORTUGAL

 
1444
Loading. Please wait...

Fotos popular