Pravda.ru

Notícias » Brasil


Serra ataca política de saúde

29.04.2004 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O presidente nacional do PSDB, José Serra, classificou o programa Farmácia Popular de "populista". Segundo ele, a iniciativa do Ministério da Saúde de Lula mostra como o governo do PT está desinformado e "à direita" do PSDB.

DNA - "Temos hoje excesso de farmácias no Brasil: são 55 mil quando precisávamos de não mais de 25 mil. Montar farmácias com funcionários públicos é, portanto, uma medida eleitoral, que piora a estrutura do sistema, custa caro e não é em lugar nenhum uma política de esquerda", avaliou o ex-ministro da Saúde.

Para o tucano, o governo Lula, "em sua essência", pratica tanto uma política econômica quanto social à direita da gestão do ex-presidente FHC. Ele crê que o PT está aprisionado num modelo de pensamento maniqueísta e ultrapassado, típico do período da ditadura militar. "O PT tem impresso no seu DNA que o Brasil só melhora com ruptura. Como deixaram a ruptura de lado agora no governo Lula, eles não sabem como fazer as mudanças que o país precisa", explicou.

Serra defendeu uma reforma no ensino fundamental, que seria ampliado de oito para nove anos, com as crianças ingressando na escola a partir dos seis anos. "Assim começaríamos a universalizar também o benefício da pré-escola", salientou. O presidente do PSDB ressaltou também que é preciso aumentar urgentemente as vagas dos cursos noturnos das universidades públicas.

PSDB

 
1438
Loading. Please wait...

Fotos popular