Pravda.ru

Notícias » Brasil


GUERRA SUJA E INJUSTA

28.03.2003 | Fonte de informações:

Pravda.ru

 

O apoio de “nossa” imprensa, como sempre, se tratando dos norte-americanos, foi, geralmente fanática, meio fanática ou pouco fanática.

Vamos agora, em trincheiras diferentes, mostrar ao mundo como um povo desclassificado ataca outro (covardemente), dizendo que a guerra é só contra Saddam. Primeira trincheira e antes dela!

O cidadão americano, piloto de avião de combate, despede-se de sua mulher e filhos dizendo que vai, como já estão dizendo em vários jornais, fazer turismo de guerra ou jogar vídeo game. Declara a mulher que vai ganhar muito mais, nesses dias de guerra; e deixa-a (algumas mulheres ficam tristes, mas muitas, com seus amantes ficam alegres) com todo o conforto em casa.

Segue o piloto para o porta-aviões localizado no Golfo Pérsico, e entre uma coca-cola e outra, bombardeia Bagdá, matando mulheres e crianças inocentes. Volta ao porta-aviões, onde, depois de telefonar para a família a fim de saber se todos vão bem, vai dormir descansado.

Segunda trincheira e antes dela!

O cidadão iraquiano, soldado da guarda republicana, vivendo em Bagdá, soube do pretexto norte-americano de agredir o Iraque, a fim de apoderar-se de seu petróleo. O mundo sabia e tentava evitar a agressão, pedindo as autoridades iraquianas a destruição da maior parte de seus foguetes, que serviriam para a sua defesa, caso fosse agredido.

A ONU desarmou o Iraque até quando pode, e deu sinal verde as tropas norte-americanas para atacarem. Isso é a verdade!

O soldado iraquiano sai de casa um dia, beija a mulher e filhos e vai para o quartel. Volta o soldado, e encontra a mulher e os filhos estraçalhados por bombas, que bem podiam ser as do piloto americano da primeira trincheira.

Terceira trincheira e antes dela!

Inglês, muito feliz no casamento, piloto do mais potente bombardeiro do mundo; depois de declarar a mulher que iria trabalhar, sai de casa.

Esse pacato cidadão inglês, leva a mais mortífera carga de bombas no seu avião, e depois de algumas horas lança-as em Bagdá, matando mulheres e crianças. Volta para casa. Abraços na mulher e nos filhos, depois... dorme o sono dos inocentes!

Meu DEUS... essa injustiça vai continuar? E... até quando?

Armando COSTA ROCHA PRAVDA.Ru BRASIL

 
2370
Loading. Please wait...

Fotos popular